MARCHA A BRASÍLIA OU CORRIDA ÀS PROSTITUTAS?

Ontem, os rapazes do CQC falaram sobre o assunto, para desassossego  das primeiras-damas de todo o país. Segundo o Marcelo Tas, teriam faltado prostitutas em Brasília, durante a marcha de prefeitos, o que obrigou os empresários do ramo a importar algumas senhoras de Goiânia. Mas, antes do CQC, o Ancelmo Gois, colunista de O Globo também já havia informado que a marcha de prefeitos a Brasília foi, na verdade, uma marcha às “profissionais da saliência”. Sinceramente, é a primeira vez que vejo alguém se referir às prostitutas como “profissionais da saliência”. Vejam o que saiu na coluna do Ancelmo:

ECONOMIA E NEGÓCIOS – Por causa dessa Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, foi reforçado o estoque de prostitutas na cidade. Um ônibus cheio de profissionais da saliência saiu de Goiânia para a capital federal.

 Depois os caras reclamam quando alguém diz que a política é uma putaria.

4 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *