MISTÉRIO EM BRASÍLIA: DEPUTADO DISTRAÍDO PERDE CALCINHA VERMELHA NO CONGRESSO

Há duas semanas um mistério ronda a segurança da Câmara dos Deputados. Por volta das 17h, no horário da Ordem do Dia, um deputado teria chegado correndo para votar, e na entrada principal do plenário, próxima à Mesa, mexeu nos bolsos e, sem ver, deixou cair a prova do crime: uma calcinha – mais para calçola – vermelha, com babadinhos nas laterais.

Avisado pelos seguranças, um assessor do presidente Marco Maia (PT-RS) recolheu a calcinha, temendo que ela fosse descoberta por jornalistas de um desses programas que adoram colocar os parlamentares em fria. A partir daí, a peça íntima foi examinada por assessores e seguranças a exaustão. A única conclusão: a peça foi usada antes e não pertence a uma sílfide (mulher magra, esbelta).

A calcinha perdida dentro do plenário da Câmara dos Deputados virou motivo de piadas e brincadeiras na tarde de quarta-feira (30) em Brasília. O fato ganhou fama depois que parlamentares – que juram ter visto a peça – divulgaram o episódio. De acordo com o deputado Tiririca (PR-SP), a calcinha é do tipo “tanga”, vermelha e com detalhes brancos.

Ainda de acordo com Tiririca, ele e mais quatro colegas deputados que viram a peça concordaram que ela estava “cheirosinha”. Um vídeo com a matéria do SBT sobre o misterioso caso, incluindo depoimentos do Tiririca e até do presidente da Câmara Federal, Marco Maia, pode ser visto aqui.  

3 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *