MP CONSEGUE A CONDENAÇÃO DE 05 EX-VEREADORES DE IGARAPAVA, POR CORRUPÇÃO

Para quem não se lembra, o grupo de achacadores era formado por dois vereadores do PSDB, um do DEM, um do PP e um do PT. A notícia é do portal do Ministério Público de São Paulo:

O Ministério Público, por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) – Núcleo Franca, obteve a condenação à pena de prisão de cinco ex-vereadores de Igarapava, presos em flagrante em março de 2009, pela prática de concussão e formação de quadrilha.

O grupo foi denunciado após exigir do então Prefeito, em duas ocasiões, pagamento de propina para não barrar projetos de interesse do Executivo na Câmara. Eles exigiam o pagamento que variava de R$ 16 mil a R$ 25 mil mensais, valor que seria rateado entre os cinco vereadores, que formavam maioria na Câmara, integrada por nove parlamentares.

Os cinco vereadores foram presos em flagrante em março de 2009, quando se reuniram com o prefeito, na sede da Prefeitura, para exigir o pagamento da propina mensal, além da nomeação de seus indicados para cargos públicos. Quatro foram presos na hora e o Presidente da Câmara no dia seguinte, quando foi localizado escondido dentro de um armário da Prefeitura.

Roberto Silveira foi condenado a 5 anos e 7 sete meses de reclusão, em regime inicial semiaberto. José Eurípedes de Souza, Alan Kardec de Mendonça (ex-Presidente do Legislativo) e Sérgio Augusto Freitas receberam pena de 5 anos e 8 meses de reclusão, em regime inicial semiaberto, e José Laudemiro Alves foi condenado à pena de 6 anos e 5 meses de reclusão, em regime inicial fechado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *