ODEBRECHT GANHOU R$ 8,4 BILHÕES COM DUAS MEDIDAS PROVISÓRIAS APADRINHADAS POR RENAN E JUCÁ

Plenário do Congresso

E a Lava Jato preocupada com o apartamento alugado por dona Marisa. Deu no Jornal do Brasil:

O grupo Odebrecht teve benefícios de pelo menos R$ 8,4 bilhões com aprovação de duas medidas provisórias de 2006 a 2015, calcula reportagem da Folha. De acordo com o informações prestadas ao Ministério Público Federal por Cláudio Melo Filho, ex vice-presidente de Relações Institucionais da Odebrecht, os peemedebistas Romero Jucá e Renan Calheiros tiveram participação ativa nas negociações relacionadas às MPs.

O sucesso na votação das medidas provisórias teria envolvido o pagamento de no mínimo R$ 16,9 milhões em propinas a congressistas e doações a campanhas eleitorais.

Cláudio Melo Filho afirmou no acordo de delação que pagou por nove medidas provisórias aprovadas e convertidas em lei, e deu detalhes sobre o funcionamento do esquema de quatro delas. A reportagem da Folha fez um cálculo do benefício à empreiteira em duas medidas, 255/2005 e 677/2015.

Na primeira medida, conhecida como “Lei do Bem”, a Odebrecht queria isenção de PIS e Cofins na compra de matéria-prima (nafta) para reduzir os custos operacionais da Braskem, seu braço petroquímico. Na época, a nafta representava 76% dos custos. O senador Romero Jucá (PMDB-RR), de acordo com delator, foi quem atuou ativamente para que as emendas apresentadas pela empreiteira fossem incluídas e o texto final aprovado. Uma medida anterior havia sido arquivada e, no lugar desta, a MP 255 foi enviada ao Congresso e aprovada com a ajuda de Jucá.

A reportagem do jornal paulista calculou que o ganho foi de cerca de R$ 408 milhões apenas em 2006, R$ 774 milhões em valores atualizados pela inflação. De 2006 a 2015, os ganhos acumulados teriam sido de pelo menos R$ 3,5 bilhões, ou R$ 6,9 bilhões em valores atualizados.

O outro episódio envolvia a empresa e o Congresso, em 2012. Melo Filho mencionou a renovação de contratos da petroquímica com a Chesf, principal fornecedora de energia no Nordeste. Indústrias pressionaram no Congresso para a aprovação de uma medida que garantisse a extensão do prazo do fornecimento de energia barata pela Chesf. O relator era Renan Calheiros (PMDB-AL), hoje presidente do Senado.

“Tentei resolver com ele a questão sobre a renovação desses mesmos contratos com a Chesf por via legislativa”, disse o delator Melo Filho.  “O Renan endereçou o tema por intermédio do senador Romero Jucá”, completou.

Segundo a delação, Jucá teria tentado colocar as emendas da Odebrecht, ligadas às Chesf, em outras nove medidas provisórias. “Depois de longa dedicação [de Romero Jucá], finalmente uma emenda de sua autoria permitia geradores a continuar com os contratos de fornecimento direto aos grandes consumidores do Nordeste”, contou Melo Filho.

A presidente Dilma Rousseff vetou a primeira medida e, quase três anos depois, uma outra medida provisória, a de número 677, foi aprovada. A desvalorização das ações da petroquímica foi revertida e o valor de mercado da Braskem subiu R$ 1,5 bilhão, em valor atualizado.

A Odebrecht, segundo o delator, doou R$ 320 mil à campanha do filho de Renan Calheiros, Renan Filho (PMDB), ao governo de Alagoas, pelo “forte empenho” em defesa dos interesses da empreiteira.

10 comentários

  • Quero ver se Cardosinho publica

    Não entendi. Então deixa passar a cobertura do Lula, o triplex, o sítio, tudo do lula pq teve “roubo” maior?

    • Você entendeu sim, mas não quer admitir. Isso é próprio de coxinha paneleiro que foi às ruas para colocar Jucá, Gedel, Angorá, Mineirinho, Boca Mole, Grisalhão, Gripado e outros personagens no poder. E aqui, desde que não haja ofensa, tudo é publicado.

      • VOCÊ SABE

        Cardoso, vou copiar a última frase da sua resposta: “E AQUI, DESDE QUE NÃO HAJA OFENSA, TUDO É PUBLICADO”. Me surpreende tamanha inverdade. Vejamos: Você publica direto e reto as “mensagens” gigantes de um frequentador assíduo do seu blog que possui diversos pseudônimos e você sabe de quem se trata. Esse seu amigo assíduo usa todos os tipos de ofensas nos comentários: Agride verbalmente os frequentadores do seu site; ele como um animal raivoso, não aceita o contraditório: Ofende a mãe, o pai, chama de idiota e tantas outras barbaridades que dá nojo. E você é conivente e ao publicar desrespeita os frequentadores do seu blog. Você demonstra parcialidade total ao publicar na íntegra as ofensas proferidas pelo SEU AMIGO em relação às pessoas que pensam diferente dele. Eu cheguei à conclusão que, como seria indelicado da tua parte ofender moralmente as pessoas que não compactuam com as suas idéias, você indiretamente se deleita através desse ser desprezível que se agiganta atrás de um pseudônimo. Está na hora de você respeitar os seus leitores e tirar das postagens desse ….., as ofensas. Publique o que o mesmo pensa, mas não é possível que você não possa retirar as palavras de baixo calão!!! Esse comentário é apenas para você. Quero que você reflita, pois sem as pessoas o seu blog de nada vale. O altar só tem sentido quando a Assembléia, que é o povo de Deus está presente. Eu mesmo não publico nada, pois sei que a pessoa partirá para a agressão verbal e você, por ser partidário, nada fará e dará, com certeza, muitas gargalhadas. Esse comentário é apenas e tão somente para você. Não quero que o mesmo se postado, pois não aceitaria, como muitos, ser ofendido por um ser covarde que se esconde atrás de você e de um pseudônimo.

        • Amigo “Você Sabe”, acho o seu comentário pertinente e tomo a liberdade de publicá-lo, não obstante o seu pedido para que fique somente entre nós. Realmente alguns comentaristas extrapolam no palavreado, mas, a meu ver (posso estar enganado), eles não estão ofendendo a ninguém, pois, normalmente, estão respondendo a pseudônimos. Que eu me lembre, o comentarista citado por você nunca se referiu com essas palavras ofensivas a alguém que tenha se identificado. Para que tenha a ofensa é preciso que tenha o ofendido e, nesses casos, o ofendido não existe. O que existe é um heterônimo, nem sempre de bom gosto. O amigo não tem ideia dos comentários que são bloqueados aqui no blog. Algumas pessoas continuam exagerando, apesar de eu já ter alertado algumas vezes para os perigos da ofensa. Só nos últimos dois meses tive que ir a dois fóruns – em Jales e Estrela D’Oeste – para dar explicações sobre comentários feitos aqui no blog. E, na semana passada, recebi uma comunicação de um juiz aqui de Jales para que eu forneça informações sobre alguns comentaristas que exageraram nas críticas a uma servidora municipal.
          Em tempo: tenho a impressão que eu sempre o tratei com respeito e, como você sabe, sou um admirador do seu trabalho no campo da música. Penso que dizer que eu escrevo mentiras é o mesmo que me chamar de mentiroso, algo que o amigo – por ser educado como é – poderia ter evitado.

          • VOCÊ SABE

            Cardoso, realmente você está enganado. Tanto é verdade que você não postou a relação das palavras QUE EU APENAS COPIEI DE UM COMENTÁRIO proferido pelo ser desprezível. Se era de um pseudônimo para pseudônimo, porque você também não postou? Você reparou nos dois pesos e duas medidas? Você reparou na incoerência?Apesar de ser um pseudônimo, não podemos nos esquecer que se trata de uma PESSOA que possui sentimentos. Tanto é verdade que o Direito está buscando formas e normas para punir aqueles que se escondem atrás dos mesmos. Portanto, vazia e sem fundamento algum a sua defesa: “PARA QUE TENHA OFENSA É PRECISO QUE TENHA O OFENDIDO E, NESSES CASOS, O OFENDIDO NÃO EXISTE”. Que tal você criar um pseudônimo para sentir na pele: alguém atrás de um ofender sua mãe, seu paí, sua esposa, seus filhos, você indiretamente, seu passado, seu presente, seu futuro,…. Será que mesmo se tratando de um pseudônimo não machucaria você? Será que você diria: É apenas um pseudônimo… deixa pra lá….. faz parte….. Não acreditei quando li sua defesa indireta em relação ao ser desprezível, pois, pode não acreditar, gosto de você, mas, realmente, o extremismo está tirando um pouco da sua lucidez. Vou te dar uma dica: da mesma forma que você não postou as palavras REPETIDAS que eu havia comentado, tire-as dos próximos comentários do ser desprezível.

  • VOCÊ SABE

    …Vai te livrar do incômodo e contratempo de ter que frequentar corredores e salas de Fóruns.

  • VOCÊ SABE

    Um dia você vai perceber e enxergar que não valeu a pena defender o ser desprezível. Vai por mim. Paz e bem. Um grande abraço e fique com Deus.

  • VOCÊ SABE eu devo ser o frequentador assíduo desse Blog e possuía, pois mudarei 2 pseudônimos NOIS E JALESENSE ( pois outras pessoa estavam copiando meus pseudônimos ). Quero lhe informar que de maneira nenhuma o Blogueiro é meu amigo, mas se fosse ou soubesse vossa pessoa nada teria com isso, e como tenho dois pseudos você também os tens, pois lhe conheço muito bem, mais isso não vem ao caso.
    Quero lhe dizer que estou com peninha de sua senhoria
    Não uso vários tipos de ofensas e nunca ofendi a moral de ninguém, mas quando uso ( Ex: imbecil, otário, débil mental, ameba, crápula ), são porque as ofensas vem primeiro em palavras ou falta de conhecimentos, querendo a todo custo enfrentar e me fazer mudar minhas ideias ou ideologias, pois não suporto besteiras ou mentiras, sobre os assuntos tratados. E sua Senhoria eu conheço bem, não vem com esse papo que nunca escreveu no blog ( Ex; acabou de dizer que sou um animal raivoso. E você e sua companhia é o que um asno raivoso).
    Aceito sim opiniões divergentes, mas desde que sejam opiniões ou ideologias sua e não querendo de toda maneira mudar as minhas, como é teu costume, sempre entre linhas. Intelecto se o blog não esta servindo mais para você , mude pois existem outros dos quais participo e nesses não tem nenhum bebê chorão.
    Quando sou ofendido não só com palavras, mas me sentindo que quem esta escrevendo me acha ignorante coloco sim a mãe e o pai ( mas quem é seu pai? e quem é sua mãe? ), como resposta pois me machucou vou machucar o idiota também.
    Meu intelecto esse papel de moço bonzinho, educado, de caráter etc….não lhe cai muito bem, pois se mostrar indignado, ofendido, magoado, machucado é papel de criança que não arruma meios de se defender, mas isso é você mesmo querendo ser o verdadeiro e do das palavras correta. Novamente me ofendeste citando ( esse ser desprezível ), será que não estava referindo a alguém, de sua família ). Me diga caro intelecto por que toda essa raiva, esse ódio e ofensas ( começaste primeiro ),com minha pessoa. É inveja? É por que o pouco que sabes, eu possa te-lo ensinado no passado.
    Quem tu pensas que é e com que direito pede a minha restirada do Blog, preste atenção Doutor, sem você e sem eu o Blog sobrevive, tenho pena de seus conceitos e conhecimentos e se sentindo maltratado, seja honesto e pense o quanto já me ofendeste e eu não esto nem ai com seus devaneios. Não me ofendas e não será ofendido.
    És mentiroso você publica e muito neste blog ( seu direito), e com pseudônimos diferentes, assume não seja um pedaço.. Por fim se tem certeza que sou um covarde ( ofendeu-me mais uma vez), coloca seu nome e eu colocarei o meu e nos iremos nos entender. Você também não é Covarde? Onde esta seu nome? Por que pedir pelo amor de Deus ( não use o nome de Deus em vão ) não publicar seu texto? Isso é o que?

  • VOCÊ SABE*****sua pessoa ainda não criou coragem para colocar seu nome no Blog? Esta muito mal educado e continua me ofendendo e eu vou acabar chorando ( chamou-me de desprezível ), mas não tomarei conhecimento pois deve estar vindo de uma pessoa que deve estar muito mal da mente. As palavras que você queria que você públicas seriam essas: ( imbecil, ameda, seu pai, sua mãe, débil mental, crápula, burro, etc…), coitado, por que não pediu para mim eu, mesmo as escreveria, pois quando algum elemento ao escrever no blog escreve as mesmas para mim eu as escrevo de volta, pois quem me ofende eu respondo com a mesma moeda, apesar de não me preocupar poi eu conheço meu pai, conheço minha mãe e sei o que sou ou não sou então isso não me faz nem cocegas. Cuidado não fica muito nervoso.
    Como já disse antes existe uma maneira de nos acabarmos com isso coloque seu nome e eu colocarei o meu e ai sim poderemos chegar a alguma conclusão seu dedo duro. Não acabou de dizer que o Direito esta buscando formas novas para punir aqueles que se esconde atrás dos pseudônimos? Você claro será um deles junto comigo.
    Mais uma vez me ofendeste chamando-me de covarde e desprezível, por favor não faça isso pois eu não conseguirei dormir à noite e vou reclamar para o blogueiro. Intelecto estas romântico falando em esposa, pai, mãe, filhos, netos , bisnetos etc…. ai já não é meu campo é o seu.
    Apesar de eu ser uma pessoa Desprezível eu te amo viu meu queridinho intelecto, mas pare de de ofender pois vou chamar o papai.
    Sinceridade deu pena do que escreveste, sentindo-se oi ultimo dos homens, o mais renegado etc….Não chora não. O nervoso trás stress e este o enfarte.
    Estou de mal de você e não vou responder mais nada a sua pessoa tão honnesta e necessitada de carinho e amor fraterno.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *