PMDB QUER O ESCALPO DE MACETÃO DE QUALQUER MANEIRA

O PMDB, como era de se esperar, não desistiu de tomar a cadeira do vereador Luiz Henrique Viotto, o Macetão. Nesta terça-feira, ao meio-dia, o partido protocolou um Recurso Especial contra as decisões do TRE-SP, que, por enquanto, estão resultando uma folgada vitória de três a zero para o Macetão. O PMDB tenta virar o jogo, mas, mesmo que isso aconteça, ainda restará ao vereador uma prorrogação.

A idéia de tentar tirar Macetão do cargo e entregá-lo ao segundo suplente do PMDB, Wilson Flumenau, partiu do prefeito Humberto Parini, mas tudo indica que, agora, é o partido quem está no comando das ações. Afinal, o prefeito já tem seus próprios problemas com a Justiça e, a essa altura do campeonato, ele deve estar mais preocupado em salvar o próprio escalpo.

A cassação de Macetão, ao que parece, tomou ares de questão de honra para o PMDB, depois que o vereador soltou alguns fogos de artifício na frente do prédio da Prefeitura. O espoucar dos rojões deve ter mexido com os brios dos peemedebistas. Abaixo, a publicação desta tarde na página do Tribunal de Justiça. 

Andamentos
Seção Data e Hora Andamento
CPRO 24/05/2011 16:13 Interposto Recurso Especial (Protocolo: 85.865/2011 de 24/05/2011 12:08:53). Interposto via fac-símile pelo Partido do Movimento Democrático Brasileiro – PMDB de Jales – pelo Diretório Municipal contra os vv. acórdãos publicados em 12/04/2011 e 19/05/2011.

1 comentário

  • Soletrando

    No post acima o blogueiro fez uso de um linguajar muito rebuscado, algo que não combina muito com o linguajar do parlamentar em questão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *