PREFEITO DE SÃO PAULO PASSA TROTE EM COMENTARISTA ‘LAMBE BOTAS’ DA JOVEM PAN

images_cms-image-000497532

Marco Antônio Villa, um sujeito que se diz historiador, é o Alexandre Garcia da Jovem Pan. A notícia é do Brasil 247:

O prefeito de São Paulo, que é criticado diariamente pelo comentarista da Jovem Pan Marco Antonio Villa, inclusive chamado por ele de “vagabundo”, pregou uma peça nesta segunda-feira 16 em seu crítico.

A assessoria do prefeito publicou a agenda do governador Geraldo Alckmin (PSDB) no lugar da sua, a fim de observar as críticas de Villa, que seriam, nesse caso, direcionadas à agenda do tucano, sem que ele soubesse. O comentarista mordeu a isca e bateu duro.

“Este prefeito está destruindo a cidade de São Paulo. Hoje, por exemplo, 16 de maio, eu, como faço todo santo dia, fui abrir a agenda do prefeito. Qualquer um pode acessar. Está escrito o seguinte: a partir de 8h30 despachos internos e o resto está branco, branco, brando, branco, não há nada, nada, nada. Quando a gente brinca chamando ele de Jaiminho é para levar no bom humor a tragédia, porque no Brasil é assim. Ele (Haddad) é uma tragédia, é inexplicável, é uma desonra a São Paulo ter Fernando Haddad como prefeito”.

Detalhe: Marco Antonio Villa, que é funcionário da Fundação Padre Anchieta, do governo do Estado, nunca dá um pio sobre Alckmin. Em sua página no Facebook, Haddad explicou que fez a troca da agenda “apenas para vê-lo comentar, uma vez na vida, o dia-a-dia de quem ele lambe as botas”.

“Imagino que os cidadãos tenham o direito de saber quem desonra o jornalismo”, escreveu ainda o prefeito, que chamou Villa de “projeto de intelectual”. Leia a íntegra do post de Fernando Haddad:

TROTE NUM PSEUDOINTELECTUAL

Alguns de vocês já devem ter ouvido falar de um tal de Marco Antonio Villa, da Jovem Pan. Ultimamente, ele tem comentado minha agenda pública com o conhecimento de quem nunca administrou um boteco.

Acho graça. Mas, hoje, para que os ouvintes tenham uma pálida ideia deste embuste, resolvemos substituir, por algumas horas, a minha agenda pela de outro político, apenas para vê-lo comentar, uma vez na vida, o dia-a-dia de quem ele lambe as botas.

Peço desculpas se ofendo alguém pelo procedimento, mas sendo caluniado todos os dias por esse projeto de intelectual, imagino que os cidadãos tenham o direito de saber quem desonra o jornalismo.

Anexo o áudio dos comentários dele à “agenda” e a entrevista que dei a ele ano passado que talvez explique parte de seu desequilíbrio psicológico. E fica um recado: antes de criticar um livro recomenda-se sua leitura.

10 comentários

  • Outro

    Tem tempo esse prefeitinho hein….

  • Antifascista Int. SP

    Esse Villa é uma piada pronta mesmo!
    Ele e o Carioca, do Pânico na TV, podem dar as mãos. São como gêmeos siameses.
    Um é historiador e o outro humorista. Mas ambos são doutores em boçalidade.

  • Tchau, PT

    Tadinho do prefeito, tá sofrendo bullying do jornalista. Ficou tristinho com as críticas e resolveu dar um “trote”. Todo mundo tem que falar bem se não ele fica de mal kkkkkk. Vai trabalhar e tentar resolver os problemas de São Paulo que são inúmeros. Tchau, PT. Kkkkkk

  • CUCA BELLUDIN

    essa merece muitos compartilhamentos;.

  • jales buraco sp

    Esse prefeito é bom de pegadinha mesmo…esta fodendo com tudo …deixa eu parar de comentar tiver 3 linhas aqui ele faz uma ciclovia no meu comentário!!!!

    • oscar alho

      coxinha viu o que se passa e passou, e ainda consegue escrever besteira sobre o caso. parabens coxinhas, voces são imbativeis nesse quesito , dissimulado.

  • Lambe botas

    Criticas. a prefeito, sao normais em qualquer democracia e o prefeito deve acostumar com elas.
    Mas o prefeito subiu no meu conceito, quando autorizou o uso de taxi Uber atendendo os interesses da populaçao e melhorando o seu conceito junto a populaçao.
    Com a construçao de mais de 100 Km de ciclovia, ele sera’ candidato a reeleiçao mas sofrera’ consequencias por ser petista e com o seu padrinho politico, Lula.

  • PUXA MAS QUE PUXA

    Independente na opção política, esse Villa, só anda com sangue no zoio, partidário e seguidor de Olavo de Carvalho, aquele que escreveu um livro cujo título é: “o mínimo que você devia saber para não ser um idiota”, ambos retrógrados, reacionários, preconceituosos e que se acham a “fina flor” do intelectualismo

  • A Direita e suas verdades absolutas.Só rindo.

  • Jalesense

    Então os Petralhas queriam que um crítico dos desmandos do PT, partidário de Alckmin, falasse mal do Alckmin. Exigir isso é o mesmo que pedir pro Cardoso falar mal do Lula. Sejamos realistas e coerentes. Cada qual com tem seu bandido de estimação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *