PREFEITOS FAZEM A FESTA E CONTRIBUINTES BANCAM AS DESPESAS

A notícia é do jornal mineiro Hoje em Dia. A reunião, aparentemente, é apenas para prefeitos de cidades mineiras, mas não custa lembrar que a Prefeitura de Jales também paga uma mensalidade – R$ 865,00 – para essa tal de Confederação Nacional dos Municípios. Portanto, nós também estamos colaborando com a dolce vita dos prefeitos mineiros. Vamos à notícia:

Em boa parte das cidades mineiras, a preocupação dos prefeitos é a de fugir do rótulo de “ficha-suja”. Para isso, cortam serviços básicos da população, tentando enquadrar-se na Lei de Responsabilidade Fiscal até o fim do ano. Por sua vez, não se incomodam nem um pouco em ser taxados de “fanfarrões”. Tanto que comparecerão, em massa, a um grande encontro festivo, nos próximos dias 5 e 6, na turística Araxá, no Alto Paranaíba. Detalhe: tudo pago com o dinheiro do contribuinte. 

Nos dois dias, poderão usufruir de termas, massagens, apartamentos luxuosos e da gastronomia refinada de um dos mais tradicionais resorts do país, o Tauá Grande Hotel e Termas de Araxá. 

A justificativa da Confederação Nacional dos Municípios (CNM) – que em parceria com a Associação Mineira de Municípios (AMM) organiza o seminário “Novos Gestores” – é a de “preparar” os prefeitos para mais um mandato, quando eles terão de executar serviços e programas com “baixo orçamento”. 

As duas entidades sobrevivem com mensalidades pagas pelas prefeituras, que variam de R$ 500 a R$ 2,5 mil, dependendo do tamanho da cidade. 

Até essa quinta-feira (1º), 400 participantes haviam confirmado participação no seminário, segundo assessoria de imprensa da CNM. Além da lista de prefeitos, outras duas listas de presenças estavam sendo atualizadas – uma com os nomes dos vice-prefeitos e uma terceira intitulada “outras lideranças”. 

Todo o gasto dos prefeitos participantes será quitado pela CNM, incluindo as diárias do hotel, cujos valores variam de R$385 a R$681. O café da manhã, almoço e jantar estão incluídos, assim como todos os serviços oferecidos pelo resort – banhos nas termas, usadas na década de 1940 pelo presidente Getúlio Vargas. Mesmo se os prefeitos confirmados até quinta-feira ficarem nos quartos mais baratos, o gasto inicial, só com hospedagem, será de R$154 mil.

2 comentários

  • bate o tambor

    FALANO IM FESTA MIZI FIU .,HOJE NU CRUBI DO IPE, TEM UM TAR DI JALE FOREVI E TAVA TUDU MUNDU LÁ, DI TUDU QUANTU É PARTIDU , SÓ NAS CUNVERSA,KKKKKKKK, LEGAR DI VE KKKKK, ´SO FARTO A MUIÉ, ELA NÃO MISTURA CUM O POVU, DEVE TA LA CUM DEUS NUS CUNXAVU, JA QUI É INVIADA, DEUS NA FRENTE ,DEUS ATRAIS, KKKKKKKKKKKKKKKKK FAIS DI CONTA Q CREDITU.

  • coringa

    O dia que estado árabe chegar aquí; esse tipo de SACANAGEM, vai acabar; pois vamos degolar um por um desses malditos CORRUPTOS, fuzilaremos toda a sua família, limparemos o País desses FDP’s, que se alimentam da miséria do povo!!!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *