PROFESSOR DESCOBRE EM SALA DE AULA COMO A MÍDIA DESINFORMA

dilma professor

Do professor de Filosofia da Rede Estadual de Minas Gerais, Fábio Garrido, no Viomundo:

Ontem num debate sobre ética em uma aula minha percebi o resultado da estratégia da manipulação midiática.

Todos os meus alunos achavam que o processo de impeachment contra a Dilma (golpe) era por causa da Lava Jato.

Quando comecei a explicar que a tese do impeachment (golpe) era de que a presidenta usou dinheiro da Caixa Econômica Federal para manter os programas sociais eles ficaram perplexos.

— Mas professor, ela não roubou?

— Não, não é acusada de ter roubado um único centavo. A única coisa que fez foi colocar dinheiro público de um banco estatal em programas sociais, e depois, devolver esse dinheiro à Caixa.

Isso foi suficiente para passarem a se posicionar contra o impeachment e se sentirem enganados pelos meios de comunicação que misturam uma coisa com a outra o tempo todo.

Agora pergunto: isso é fazer propaganda petista ou cumprir com a minha obrigação como professor de filosofia de questionar a massificação da propaganda ideológica golpista feita pelos meios de comunicação?

Acredito firmemente que a função da filosofia no ensino médio deva ser possibilitar que os alunos pensem criticamente a sociedade. Isso significa pensar por conta própria. E numa época de mídia de massa onde os meios de comunicação, principalmente a Globo que comprovadamente já participou de alguns movimentos golpistas na nossa história, determinam os rumos da política, temos a obrigação de desconstruir a ideologia dominante.

26 comentários

  • Guilherme

    Não vai ter golpe mesmo… impeachment não é golpe! O mesmo povo que tem poder para colocar tem poder para tirar.

    • Papagaio de Pirata

      Essa mulher tinha que estar na cadeia pelos tremendos prejuízos causados à Petrobras e ao Brasil. Cínica! E o barbudo segue a mesma linha do não sei de nada, apesar das provas robustas. Quando vejo pessoas defendendo esses dois, penso comigo mesmo, seria por ingenuidade ou por adoração?

  • Guilherme

    Sinceramente, eu seria fã nº1 da pessoa que quisesse bancar o assassino de john kennedy aqui no Brasil.

  • Anônimo

    lê a lei de responsabilidade fiscal que vc fica sabendo que o chamado de pedaladas é crime sim.

  • Abraham Lincoln

    Bem, vamos lá… (mais uma vez)… Primeiramente, a mídia não é responsável por esta “desinformação”; no presente caso é o aluno que não tem o preparado necessário para absorver o que é dito ou, muitas vezes, não tem interesse em se informar adequadamente. Eu nunca me confundi entre o impeachment e a Lava Jato, nunca.

    A Ilustríssima Presidente da República não é investigada pela Justiça (até porque não compete à justiça investigar, quem faz isso é a polícia judiciária), mas não se sabe se há uma investigação em curso ainda em fase inquisitiva, que pode ter andamento sigiloso. Eu acho que há, mas só acho.

    Pedalada fiscal é crime sim, e quem diz o contrário é, na melhor e mais inocente hipótese, um mal informado. As pedaladas aconteceram durante este mandato presidencial e são crimes previstos no artigo 4º, V e VI, da Lei 1.079/50.

    Já ao professor de filosofia, eu diria, com todo respeito e acatamento, que sua função primordial é a de ensinar e, balizado por sua disciplina específica, fornecer subsídios fundamentais para a busca do conhecimento. Ocorre, porém, que ele “informa” a seus alunos valendo-se da mesma metodologia por ele condenada; a mídia “golpista” maximiza, ele minimiza e ambos, cada um à sua moda, acrescentam ou subtraem do conto aquele famoso ponto.

    • Eu também sei que a Justiça não investiga. Ela julga. O curioso é que, no caso da Lava Jato, muita gente, inclusive da imprensa, diz que o Moro está investigando fulano, beltrano e sicrana. Dizer que pode haver algum crime da Dilma sendo investigado sigilosamente, é exercício de futurologia. Quanto às pedaladas, já foi dito que outros presidentes também pedalaram e que, se isso for crime, 16 dos atuais governadores são igualmente criminosos.

  • Vem ai o quarto processo e a saida do PMDB

    Enquanto os petistas se defendem com argumentos pouco convincentes como esse do professor petista que disse que Dilma usou dinheiro dos bancos para manter os programas sociais que e’ uma grande mentira.
    Ou que os outros presidentes tambem “pedalaram” pois tudo isso foi usado na justiça pelo governo do PT e nao obteve exito.
    Com 3 processos em andamento pedindo o impeachment de Dilma, agora, a OAB tambem entrou com o 4º pedido de impeachment, pois criminaliza Dilma, tambem com as pedaladas fiscais, cita a delaçao premiada do senador e lider petista Delcidio do Amaral.
    E mais as renuncias fiscais pro’ FIFA, na copa/2014 e a tentativa frustada de nomeaçao de Lula como ministro.
    Os petistas estao certo de dizer que ela nao cometeu crime nenhum.
    Amanhã o PMDB vai abandonar o barco

    • Anônimo

      As pedaladas deve ser um crime muito grave mesmo. Por séculos e séculos todos os governantes utilizaram desse recursos sem serem incomodados e só agora, no governo da Dilma descobriram que é um crime. Mas é muita cara de pau mesmo. E o empoderamento que estão dando ao dono da câmara dos deputados prova o quanto esse bando de golpistas estão preocupados com a corrupção. Ora, Faça-me o favor!

  • o doido

    E o futuro presidente do Brasil o Sr golpista Michel Temer junto com os coxinhas ,pois quando este nojento assumiu a presidência por poucos dias ele liberou mais de 50 bilhões para o PMDB e isto também entrou como pedaladas,ele assumira e logo após vai ser cassado também ,isto é se neste pais tiver lei. pois o PMDB é o partido mais sujo do mundo.e viva o nosso Cardosinho este sim é o Cara

    • Culpa de FHC, Aecio, midia, Globo, Veja, Isto É, Moro, Alckimin...........................

      Hoje, o PMDB devera’ estar metendo o pe’ na bunda do Lula e da Dilma, pois devera’ sair do governo, assim jogar uma pa’ de terra no caixao de Dilma. Depois sairao PP, PSD, e assim vai….
      O trio, Temer, Cunha e Renan e’ o legado que os petistas deixam para o país pois eles, juntamente com o PMDB/PP, roubaram a Petrobras.
      O futuro presidente, Temer tem processo no TSE (junto com Dilma) de que o dinheiro da Petrobras “serviu” para a campanha deles. Eram socios!
      Dilma ja’ sabia que o PMDB ia sair para Temer entrar e ela escalou o Lula para mudar a ideia dos deputados. Como Lula nao tem mais aquela “força” ou melhor, dinheiro das estatais vide Petrobras.
      Nao conseguiu.

  • anonimo

    Golpe a vista sem dúvida nenhuma.

  • lanpião

    daqui uns quinze dias quero ver a cara do martíni . sardosinho . Ermínio marcos poleto caras de bundões kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Anônimo

    O impeachment do Collor foi golpe?

  • mane

    golpe é sair na rua com carro de som e falar que sem o PT os programas sociais ia ser exterminado, usar o correios para sua campanha, falar que não ia subir a energia 2 meses depois de ganho subir 120%, golpe é por outro bandido pra ser ministro , pra escapar da cadeia, etc …enfim se for colocar todos os golpe que o PT deu pra manter no poder , vamos ficar ate amanha

  • Liberdade de expressão! Em uma democracia é uma ação respeitada. Mas em um blog estatizado, de um governo que está com os dias contados, somente publica-se o que interessa.
    FODA-SE PT

  • Pego Pesado

    Vai pra Cuba cardosinho. Chora mais “mortandela”

  • Cowboy do asfalto

    A Dilma pode até não ter sido chamada à dividir o bolo dos roubos na Petrobrás, mais enquanto presidenta do Conselho Administrativo e depois, como presidenta da República, foi no mínimo conivente.
    Quem pode afirmar que a presidenta Dilma não está sendo investigada pela justiça? Todos os caminhos levam a crer que suas digitais estão espalhadas por todos os lados.
    Pedalada fiscal não é crime? É só comparar uma situação onde um empresário desconta o INSS de seu funcionário e simplesmente não recolhe a guia. Isso não é crime?
    Se o Tribunal de Contas da União não vale de nada então acabe com ele ora! O TCU é o órgão máximo de fiscalização dos agentes públicos e deve ser respeitado.

    • Caso o amigo tenha chegado hoje a este planeta, procure se inteirar sobre quem são Aroldo Cedraz, presidente do TCU e Augusto Nardes, relator das pedaladas da Dilma. Enquanto isso, vejamos o que diz um ídolo coxinha, o ex-ministro Joaquim Barbosa sobre o TCU:

      Considerado pela oposição um dos possíveis caminhos para o impeachment da presidenta Dilma Rousseff, o julgamento das “pedaladas fiscais” no Tribunal de Contas da União (TCU) não deveria estar recebendo tanta atenção ou crédito assim. Pelo menos na opinião do ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa.

      Em palestra no 7º Congresso Internacional de Mercados Financeiros e de Capital, organizado pela BM&FBovespa em Campos do Jordão (SP), Barbosa disse que não acredita no TCU “como um órgão sério, desencadeador de um processo de tal gravidade”, Para ele, aliás, o Tribunal de Contas não passa de um “playground de políticos fracassados” e não teria “estatura institucional” para originar um impeachment presidencial.

  • Júlio

    Pessoal,

    Ta sendo divulgado que a manifestação do dia 31, subiu para até 300,00 a participação pro Dilma.

    Viva a democracia.

  • Vem ai a votaçao do impeachment com "toma lá, dá cá"

    O choro dos petistas e’ livre pois agora nao adianta dizer que e’ golpe? ou se pedalada e’ crime ou nao? ou quem sao do TCU? Isso e’ conversa fiada!
    O fato importante e’ que o PRB e o PMDB ja’ deram um pe’ na bunda da Dilma assim ela perdeu varios deputados a seu favor.
    E ja’ tem mais partidos que querem sair porem ela vai dar uma boquinha (ministerios) para eles nao abandonarem o seu barco pois ela tera’ 7 ministerios (que eram do PMDB) para dar
    Esta semana, vao discutir se vao dar o cargo ministro para o Lula nao ser preso. Que vergonha, a historia do Brasil nao merece isso!

  • Não ia fazer comentários,mas não resisti.Esta é a melhor matéria que eu já li sobre a legalidade ou não do impeachment.

  • Anyone

    Vamos lá eim.. bem facil para entender:

    1) Sim, porque a justiça não é competente para julgar crimes de responsabilidade do Presidente da Republica e sim a Câmara, o que é o caso. Próximo…

    2) É sim. Quer um exemplo? Tente fazer o mesmo na sua declaração do Imposto de Renda.. se conseguir, volte aqui que eu desminto! Próximo…

    3) E estão sendo investigados da mesma forma pelo Tribunal de Contas. Por não ser presidente no momento, não tem foro privilegiado e não é necessário que a Câmara investigue ou julgue.

    4) Porque não precisa! A Câmara não tem que julgar parecer de nenhum Tribunal. Ela decide se isso é prova ou não.. só isso!

    5) Independente disso, o Mandato dela se estende. Portanto, por ter foro privilegiado (Nem sempre é bom né?!), deve ser julgada por processo na Câmara dos Deputados, que se dá com abertura do Impeachment.

    Agora, porque tanto medo??? Ela não poderá ser tirada do cargo se não fez nada errado… porque o medo?????

Deixe uma resposta para anonimo Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *