PSDB PODE TERMINAR ‘SEM IMPEACHMENT E SEM DISCURSO’, ALERTA COLUNISTA

cunha9

A análise é do Jornal do Brasil:

“Enquanto o presidente dessa Casa não renunciar, ele tem a legitimidade e a prerrogativa de tomar as decisões”, disse o líder do PSDB, deputado Carlos Sampaio, após entregar o pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff a Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

Segundo o colunista da “Folha de S.Paulo” Bernardo Mello Franco, o documento protocolado e entregue nesta quarta-feira (21) pelos tucanos se assemelha a “certas correntes da internet”. 

“Abusa de maiúsculas, em afirmações como a de que o ex-presidente Lula ‘NUNCA SAIU DO PODER’. Também exagera nos pontos de exclamação. São nada menos que 28, salpicados em expressões como ‘Um acinte!’, ‘O caso é grave!’ e ‘A realidade salta aos olhos!'”, observa o colunista a respeito do pedido de impeachment assinado pela oposição e pelos advogados Hélio Bicudo e Miguel Reale Júnior, para quem o documento é um “recorta e cola” do apresentado anteriormente.

De acordo com o artigo, a aliança dos tucanos com “o correntista suíço é uma estratégia de alto risco”, já que nos últimos anos o PSDB vem pedindo votos sob alegação da ética na política e o que faz agora é fortalecer a permanência de Cunha na presidência da Câmara. “Ao abraçar Cunha, (o PSDB) pode acabar sem impeachment e sem discurso para as próximas eleições”, argumenta o colunista.

16 comentários

  • Abraham Lincoln

    O Podre prego saliente na madeira envelhecida.

    O colunista Bernardo Mello Franco fala do “correntista suíço” como se ele fosse cria da oposição. Ei, amigo… Ele é do partido camaleão, pertence à base aliada, cara pálida. O problema é que tudo que se torna “saliente” em mundo de martelos é visto como prego, e prego, meu amigo, só toma na cabeça. Se há dinheiro depositado na conta desse safado, ele é proveniente de depósitos anteriores à crisezinha interna vivida pelos fariseus e, portanto, a ele foi repassado como pagamento pela participação em “algum esquema” que acabou por se desmanchar. O fim da esbórnia é sempre assim, farpas e acusações entre os embriagados pelo poder e ainda furiosos com o secar da fresca fonte.

  • ZE´MANÉ

    O PSDB pode sair com muito mais de que isso.
    Basta tirar essa presidenta e sua corja….
    E após, tirar o Cunha também…
    Mas nesse momento, o 1º foco é a presidenta e sua corja…..

  • Todos são farinha do mesmo saco

    Os tucanos nao tem outra alternativa em querer que ele fique, assim como, os petistas querem que ele saia pois o PGR ja’ tem provas para pedir o seu afastamento. Pessoalmente, acho que ele saira’ so’ no ano que vem.
    Os tucanos sabem que ele saira’ mas esperam que ate’ la’, ele aceite o impeachment da Dilma, caso contrario, a oposiçao colocara’ um deputado laranja para substitui-lo.
    Se ele ganhou propinas, foi com autorizaçao do PT que e’ dono da petrobras portanto se o governo quer tirar-lo, e’ porque o Cunha nao atende mais os seus interesses.
    Para acabar com a recessao, precisara’ muito mais do que tirar Cunha, Renam Calheiros e Dilma
    Dinheiro porque o pais esta’ quebrado

  • CAMARADA MARTINI

    Cardosinho, vou postar um artigo de um amigo e blog dele:
    que o analfabeto político precisa entender…
    23 DE OUTUBRO DE 2015 POR BLOGDOMARCILIOCARTUNISTA
    O que o analfabeto político precisa entender é que não existe uma crise no PT, pelas investigações de corrupção no Brasil. O que existe é uma crise moral e política, forjada pela mídia e pelos políticos criminosos que são contra o PT… E são eles que morrem de medo da possibilidade (remota) de passarem o resto de suas vidas na cadeia… O PT é vítima desta imprensa, conhecida como a mais corrupta do mundo, e de um congresso de bandidos achacadores. A imprensa sonegadora, sabe o que pode perder se não criminalizar o Lula e tentar derrotá-lo a qualquer custo. Lula vai levar as próximas eleições, fácil. Ela, a nossa imprensa, cria as crises, inventa as mentiras e faz as denuncias contra o Lula desde que ele virou uma “ameaça” aos verdadeiros inimigos do país… A imprensa que fomenta o ódio e cria factoides para criminalizar o PT não quer perder a boquinha… Só pra você entender: Quem criou os mecanismos de investigação, e equipou a Polícia Federal, foi o PT… Quem criou as leis anti-corrupção foram os petistas… A delação premiada, PT… Quem está sujo no Brasil são aqueles que querem tirar a Dilma, a “OPOSIÇÃO AO BRASIL”, comandada pelo PSDB de Aécio Neves, apoiadores e demais corruptos de outros partidos. Aqueles que sonegam e roubam o dinheiro do povo brasileiro há 5OO anos. As quadrilhas, as máfias, os narcotraficantes… Os partidos políticos corruptos e seus líderes… O Brasil inteiro já entendeu o por quê do “tirar a Dilma…” Para que eles possam roubar mais, a justificativa é uma só. É só por isso, e é verdadeira. E quem são os golpistas, os irresponsáveis que estão atrasando o Brasil? Eles já foram identificados, investigados, e estão desesperados com a possibilidade, de que, pela primeira vez no Brasil, um deles possa ser preso e passe a “entregar” o restante dos bandidos. O medo de permanecer na cadeia… Trancafiado numa cela, é desesperador, para quem vive neste bem bom há anos, impune. O pesadelo já começou, e é horrível. O exemplo maior será dado com a prisão de Eduardo Cunha e sua esposa, a não menos culpada, a jornalista Cláudia Cruz. Muitos outros serão punidos no desenrolar da trama… Dilma já provocou os inimigos: “Não vai sobrar pedra sobre pedra”. Desta vez, estamos construindo um novo Brasil. Chega de sonegação, de lavagem de dinheiro, de evasão de divisas e de crimes do colarinho branco. Vamos dar um basta nestes corruptos conhecidos por todos. O mundo inteiro já sabe quem são eles. Eles sugam o trabalhador brasileiro. E nós, já estamos cansados de tanta impunidade.
    Agora temos um motivo pra sonhar. O sonho é livre… E curtir o desfile da campeã, não tem preço.

    • Temos que passar a limpo esse país

      CAMARADA MARTINI
      O governo Dilma do PT tem 4 processos no TSE,TCU,STF mais 18 pedidos de impeachment –sendo que ultimo tem acusaçao de continuar dando pedaladas em 2015 e gastar dinheiro sem autorizaçao do congresso — , sem apoio do congresso e teve suas contas nao aprovadas.
      Nesta situaçao, o país em recessao e com denuncias todos os dias de corrupçao, a Dilma nao precisa da midia e da oposiçao para cair pois falar em golpe e’ querer vitimiza-la pois o golpe e’ prevista na constituiçao
      Se o PT nao esta’ em crise pois deveria estar pois tem 4 tesoureiros presos, 2 ex presidentes presos e o seu chefe maior (Lula) sendo denunciado na Lava Jato e policia federal
      Uma coisa voce tem razao, temos uma crise moral neste pais que começa dentro do governo do PT

  • Lambarí

    Um bando de corruptos unidos contra a corrupção.

  • Baguete

    Malafaia foi e continua sendo um dos maiores apoiadores do Eduardo Cunha. Uma dupla de malandro.

  • Anti-Coxinha

    Os coxinhas perderam o rumo. Estão mais perdidos que cego em tiroteio.

  • NOIS

    Olha como age a turma do golpe e o Cunha presidente da Câmara, para evitar sua queda, para que o mesmo possa assinar o impeachment, que nunca vira .
    Cunha tentou barrar envio de documentos ao Brasil
    Presidente da Câmara e sua mulher entraram com recurso na Suíça

    O GLOBO

    BRASÍLIA — O presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e a mulher Cláudia Cruz tentaram impedir a transferência do dinheiro e das provas sobre as contas deles da Suíça para o Brasil e, com isso, dificultar o andamento das investigações sobre o mesmo assunto no Brasil. Por meio de advogados, os dois entraram com um recurso na Câmara de Apelação Criminal do Tribunal Federal da Suíça para travar o repasse dos documentos do Ministério Público suíço para a Procuradoria-Geral da República no Brasil, segundo disse ao GLOBO uma fonte que conhece o caso de perto.

    O deputado Silvio Costa.
    Vice-líder do governo pede à PGR afastamento de Cunha.

    O presidente do Conselho de Ética da Câmara, deputado José Carlos Araújo (PSD-BA)
    vê caso Cunha como grave.
    Cunha disse em depoimento à CPI da Petrobras, no dia 12 de março, que não tinha contas bancárias no exterior. A tentativa do presidente da Câmara e da mulher dele de barrar a investigação no Brasil a partir de um recurso no exterior não produziu o resultado esperado. Até o momento, o pedido não foi julgado. São remotas também as chances de que o deputado e a mulher tenham sucesso. As leis suíças vedam a estrangeiros expedientes específicos para bloquear remessas de documentos relacionados a investigações criminais de âmbito internacional a outros países.
    A Suíça já mandou os documentos para a Procuradoria-Geral e a expectativa é que faça o mesmo em relação ao dinheiro bloqueado em duas das quatro contas de Cunha e da mulher. Ao todo, foram bloqueados 1,3 milhão de francos suíços, o equivalente a quase R$ 10 milhões. Os documentos deram origem a um segundo inquérito contra Cunha no Supremo Tribunal Federal (STF) por corrupção passiva, lavagem de dinheiro e sonegação fiscal.
    A mulher e a filha, Danielle Cunha, também são alvos da investigação. Pelo relatório do Ministério Público suíço, Cunha e a mulher têm quatro contas secretas no Julius Baer, banco exclusivo para clientes com altos rendimentos mensais. O deputado usou até passaporte diplomático para abrir as contas, que estão vinculadas a off-shores com sede em paraísos fiscais. Uma das contas era exclusiva para cobrir gastos com cartões de crédito internacional de Cláudia Cruz e Danielle.

  • NOIS

    Olha como age a turma do golpe e o Cunha presidente da Câmara, para evitar sua queda, para que o mesmo possa assinar o impeachment, que nunca vira .
    Cunha tentou barrar envio de documentos ao Brasil
    Presidente da Câmara e sua mulher entraram com recurso na Suíça

    O GLOBO

    BRASÍLIA — O presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e a mulher Cláudia Cruz tentaram impedir a transferência do dinheiro e das provas sobre as contas deles da Suíça para o Brasil e, com isso, dificultar o andamento das investigações sobre o mesmo assunto no Brasil. Por meio de advogados, os dois entraram com um recurso na Câmara de Apelação Criminal do Tribunal Federal da Suíça para travar o repasse dos documentos do Ministério Público suíço para a Procuradoria-Geral da República no Brasil, segundo disse ao GLOBO uma fonte que conhece o caso de perto.

    O deputado Silvio Costa.
    Vice-líder do governo pede à PGR afastamento de Cunha.

    O presidente do Conselho de Ética da Câmara, deputado José Carlos Araújo (PSD-BA)
    vê caso Cunha como grave.
    Cunha disse em depoimento à CPI da Petrobras, no dia 12 de março, que não tinha contas bancárias no exterior. A tentativa do presidente da Câmara e da mulher dele de barrar a investigação no Brasil a partir de um recurso no exterior não produziu o resultado esperado. Até o momento, o pedido não foi julgado. São remotas também as chances de que o deputado e a mulher tenham sucesso. As leis suíças vedam a estrangeiros expedientes específicos para bloquear remessas de documentos relacionados a investigações criminais de âmbito internacional a outros países.
    A Suíça já mandou os documentos para a Procuradoria-Geral e a expectativa é que faça o mesmo em relação ao dinheiro bloqueado em duas das quatro contas de Cunha e da mulher. Ao todo, foram bloqueados 1,3 milhão de francos suíços, o equivalente a quase R$ 10 milhões. Os documentos deram origem a um segundo inquérito contra Cunha no Supremo Tribunal Federal (STF) por corrupção passiva, lavagem de dinheiro e sonegação fiscal.
    A mulher e a filha, Danielle Cunha, também são alvos da investigação. Pelo relatório do Ministério Público suíço, Cunha e a mulher têm quatro contas secretas no Julius Baer, banco exclusivo para clientes com altos rendimentos mensais. O deputado usou até passaporte diplomático para abrir as contas, que estão vinculadas a off-shores com sede em paraísos fiscais. Uma das contas era exclusiva para cobrir gastos com cartões de crédito internacional de Cláudia Cruz e Danielle.

  • Anônimo

    Noossa!! Olhando daqui parece que esses malandros querem derrubar o governo porque é a forma de não correrem o risco de serem presos?

  • NOIS

    COMEÇOU O CRESCIMENTO—O GLOBO E CARTA CAPITAL

    Os investidores já enxergaram o óbvio: a presidente Dilma Rousseff está comprometida com o ajuste fiscal e apoia, sem restrições, o ministro Joaquim Levy; com isso, a Bovespa teve a quarta alta em cinco pregões, bateu o recorde em quatro meses e sinaliza mais altas pela frente; sem discurso, lideranças do PSDB, como o senador Cássio Cunha Lima, falam em “Levydependência”, como se a presidente Dilma não pudesse substituí-lo; a questão é: quem disse que ela pretende trocá-lo?

    O Ibovespa alcançou nesta segunda-feira (6) sua quarta alta nos últimos cinco pregões, renovando seu maior fechamento desde 28 de novembro do ano passado. O Ibovespa fechou em alta de 1,14%, a 53.728 pontos, acumulando alta de 7,3% nos últimos 5 pregões. Já o dólar comercial caiu 0,22%, a R$ 3,1223 na venda, chegando ao 5º dia seguido no vermelho, com queda de mais de 5% nesse período. No radar, o relatório de empregos dos Estados Unidos reduziu a possibilidade de um aumento dos juros na maior economia do mundo. Além disso, a expectativa por aprovações das medidas de ajuste fiscal propostas pelo ministro da Fazenda, Joaquim Levy, também funcionou como vetor altista no pregão.
    E é sobretudo na ação de Levy que o mercado está de olho, uma vez que já ficou bem claro que ele dispõe de toda a confiança da presidente Dilma Rousseff para levar adiante seu plano de recuperação da economia. “Levy é muito importante, e ele se mantém firme”, disse ela em entrevista à Bloomberg News na semana passada. “Eu farei tudo para atingir” as metas fiscais de Levy, prometeu a presidente (aqui).
    No Congresso, o ministro tem atuado junto a senadores e deputados, para convence-los de que a austeridade é a única chance que o país tem para superar a insolvência e evitar que sua classificação de crédito soberano caia. A apresentação de Levy na Comissão de Assuntos Econômicos do Senado animou os investidores. O real brasileiro teve um rali, e o abatido mercado acionário de São Paulo subiu na quarta-feira passada, conduzido pela Petrobras. No mesmo dia, a Petrobras assinou um contrato de financiamento de US$ 3,5 bilhões com a China.
    A aprovação das medidas de ajuste fiscal e as expectativas pela divulgação do balanço da Petrobras são importantes para o mercado. As ações da Petrobras subiram ainda sem perspectiva de divulgação do balanço. A petroleira ainda informou que a companhia se defenderá em relação às class actions, com advogados dos EUA analisando as alegações. O presidente da Petrobras, Aldemir Bendine, quer admitir prejuízo de R$ 10 bilhões em perdas contábeis da Petrobras. O governo avalia que o mercado quer que a Petrobras admita prejuízos de R$ 20 bilhões .
    ENQUANTO ISSO, A OPOSIÇÃO SE EXASPERA, pois sabe que se o mercado reage bem, o governo se fortalece. O senador Cássio Cunha Lima, do PSDB, deu a primeira sinalização do incômodo dos opositores da presidente, em entrevista nesta segunda ao site da Veja. “Dilma perdeu aquilo que é essencial para quem governa. Ela perdeu credibilidade e autoridade ao ponto de hoje estar sujeita a uma notória “levydependência”. Dilma contraria até mesmo a própria natureza: é criticada por ele mas ao mesmo tempo sai em defesa dele. Isso porque a cota de bronca pública já está esgotada. Daqui a pouco o Joaquim Levy entrega o boné e não sobra nada. O governo está pendurado no CPF do ministro da Fazenda. Ele é o fiador. É impressionante como um país do nosso tamanho depende do CPF da pessoa física de um ministro, já que o CNPJ do governo está no Serasa, no Cadin, em todo cadastro negativo”, numa declaração acima do tom.
    Matéria da InfoMoney:

    SÃO PAULO – O Ibovespa alcançou nesta segunda-feira (6) sua 4ª alta nos últimos 5 pregões, renovando seu maior fechamento desde 28 de novembro do ano passado. No radar, o relatório de empregos dos Estados Unidos divulgado na sexta reduziu a possibilidade de um aumento dos juros na maior economia do mundo na reunião do FOMC (Federal Open Market Comittee) de junho. Além disso, a expectativa por aprovações das medidas de ajuste fiscal propostas pelo ministro da Fazenda, Joaquim Levy, também funcionou como vetor altista no pregão.
    O Ibovespa fechou em alta de 1,14%, a 53.728 pontos, acumulando alta de 7,3% nos últimos 5 pregões. Já o dólar comercial caiu 0,22%, a R$ 3,1223 na venda, chegando ao 5º dia seguido no vermelho, com queda de mais de 5% nesse período. A desvalorização da moeda nesta segunda, no entanto, foi amenizada nas últimas duas horas de negociação, em um movimento típico de ajuste técnico após longos baques desde semana passada, explica o gerente de câmbio da Treviso Corretora, Reginaldo Galhardo.
    Com a alta de hoje, a Bolsa confirma ainda mais a mudança para tendência de alta no curto prazo, iniciada após o rompimento dos 52 mil pontos na semana passada. No Visão Técnica da última sexta-feira (3), o analista técnico da Clear Corretora, Bo Williams, tem como objetivo final desta tendência os 62 mil pontos, o que representa uma alta de 20% em relação ao fechamento da semana passada.
    Já o analista fundamentalista, Flávio Conde, diz que a alta da Bolsa nos últimos dias se deve a uma mudança no cenário marginal. Do lado internacional, a queda do yield das treasuries após os dados de emprego nos EUA afeta positivamente os mercados acionários de países emergentes, junto com os discursos mais “dovish” (moderados) de membros do Fed. “Isso aumenta o dinheiro [na economia global] e o apetite por risco”, explica. Ao mesmo tempo, outros drivers internacionais importantes são o acordo nuclear no Irã e a Grécia possivelmente fazendo um pagamento da sua parcela de dívida com o FMI.
    No cenário doméstico, a aprovação das medidas de ajuste fiscal e as expectativas pela divulgação do balanço da Petrobras (PETR3; PETR4) são importantes para o mercado. “O cenário na margem mudou, mas o básico continua ruim com inflação baixa, economia desacelerando e juros nos EUA esperados para o segundo semestre”, diz Conde.

    Ações em destaque

    As ações da Petrobras (PETR3; PETR4) subiram ainda sem perspectiva de divulgação do balanço. A petroleira ainda informou que a companhia se defenderá em relação às class actions, com advogados dos EUA analisando as alegações. De acordo com a Folha de S. Paulo, após uma onda de ações coletivas de investidores contra a Petrobras na Justiça dos EUA, a estatal brasileira sofre agora com um novo problema: fundos americanos e europeus estão optando por deixar o processo coletivo e entrar com ações individuais contra a empresa.
    Além disso, destaque para outra notícia da Folha, que destaca que o presidente da Petrobras, Aldemir Bendine, quer admitir prejuízo de R$ 10 bilhões em perdas contábeis da Petrobras. O governo avalia que o mercado quer que a Petrobras admita prejuízos de R$ 20 bilhões.
    Após um pregão volátil, as ações da Vale (VALE3; VALE5) registraram uma ligeira valorização. Destaque para o Banco Central da China, que prometeu manter liquidez adequada para a economia e para os dados do setor de serviço no País.
    Entre as maiores perdas, estiveram a Suzano (SUZB5) e Gerdau (GGBR4) devido ao desempenho negativo do dólar frente ao real.
    O dia também foi de volatilidade para as ações da BM&FBovespa (BVMF3) que, após chegarem a cair 2% no início da sessão, viraram para alta de 1% e fecharam em baixa de 0,58%, a R$ 11,92. No radar, a companhia informou na quinta-feira que recebeu um auto de infração da Receita Federal questionando a amortização, para fins fiscais, nos exercícios de 2010 e 2011, do ágio gerado na incorporação da Bovespa pela BM&FBovespa em 2008.

    Brasil: Focus e PMI

    Foi divulgado o Relatório Focus, com a mediana das projeções de diversos economistas, casas de análise e instituições financeiras para os principais indicadores macroeconômicos. A previsão para o PIB (Produto Interno Bruto) em 2015 oscilou de uma retração de 1% para uma de 1,01%, mas foi elevada para 2015 de um avanço de 1,05% para 1,10%. Já no caso do IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), que é o medidor oficial de inflação utilizado pelo governo, as projeções são de que haja um avanço de 8,20% este ano.
    Além disso, saíram os PMIs (Índice Gerente de Compras) Composto e de Serviços. No caso do primeiro, o indicador ficou em 47 pontos, ante 51,3 esperados. Já para o do de Serviços, o PMI ficou em 47,9 pontos ante prévia de 52,3. Lembrando que acima de 50 pontos significa expansão e abaixo de 50 pontos verifica-se contração do setor em questão.

    EUA: sem juros tão cedo

    Segundo o presidente do Fed de Nova York, William Dudley, o banco central norte-americano precisa observar se a surpreendente fraqueza recente na economia norte-americana não é prenúncio de uma desaceleração mais substancial.
    “O momento da normalização dependerá de dados e permanece incerto pois a evolução futura da economia não pode ser prevista completamente”, disse Dudley em declarações preparadas, acrescentando que espera que a trajetória de elevações dos juros seja “relativamente rasa”.
    Os mercados acionários globais e o câmbio da maioria dos países refletiram de maneira positiva não só a sinalização do Fed, como também a divulgação dos dados do mercado de trabalho dos EUA na sexta-feira. A economia americana criou 126 mil novas vagas em março, ante uma expectativa mediana de criação de 245 mil vagas, o que afasta ainda mais as chances de alta dos juros.
    Enquanto isso, o preço dos barris do petróleo viam novo avanço com maior otimismo em relação à demanda. A Arábia Saudita elevou o preço do petróleo bruto vendido para consumidores asiáticos. O barril do combustível WTI subia 6%, a US$ 51,94.

    Europa

    Já na Europa, mesmo com as bolsas fechadas, impactou os mercados internacionais a questão da Grécia, que terá que alcançar um esboço de acordo sobre financiamento com seus credores na reunião de ministros das Finanças da zona do euro em 24 de abril, segundo o ministro das Finanças do país, Yanis Varoufakis. “(Na reunião do) Eurogrupo de 24 de abril precisa haver uma conclusão preliminar (das negociações), conforme o acordo do Eurogrupo de 20 de fevereiro”, disse Varoufakis ao jornal Naftemporiki.
    A Grécia ofereceu um novo pacote de reformas na semana passada na esperança de destravar os fundos remanescentes de seu programa de resgate, mas seus credores União Europeia e FMI ainda não aprovaram as propostas.
    E com isso os coxinhas começam a ficar preocupados, com o crescimento, aos poucos da economia brasileira.

  • Anônimo

    Esses homens já perderam a noção do ridículo a muito tempo. Se assemelham muito a um bando de crianças birrentas batendo o pesinho no chão querendo que a tia se levante da cadeira para eles sentarem. É uma boa pergunta mesmo. O que eles vão apresentar em 2018? Que passaram os últimos quatro anos tentando tirar o emprego de uma senhora porque ela não tem conta na Suíça, ou porque ela comprovadamente não é conivente com corrupção? Ou então porque temem a volta de um ex operário que deixou o governo com mais de 80% de aprovação?

  • PROFESSOR

    TEMOS QUE PASSAR A LIMPO ESSE PAIS, principalmente mandando embora dele os Burros e analfabetos que não sabem usar a Acentuação, Ortografia e a Pontuação e só sabem falar sempre a mesma coisa, pois o irracional não tem meios para pesquisar e e ler coisas inteligentes para se discutir:
    1. acusaçao o burro escreveu errado é acusação.
    2. autorizaçao o burro escrevei errado é autorização
    3. nao o burro escreveu errado é não.
    4. situaçao o burro escreveu errado é situação.
    5. recessao o burro escreveu errado é recessão.
    6. corrupçao o burro escreveu errado é corrupção.
    7. midia o burro escreveu errado é mídia
    8. oposiçao o burro escreveu errado é oposição.
    9. golpe é prevista na constiuiçao o burro escreveu errado ´´e golpe é previsto na constituição ( mais burro ainda ), na constituição não existe previsão de golpe, só para os ignorantes que não conhece a Carta Magna
    10. O burro diz que o PT tem quatro tesoureiros presos e dois ex- presidente, só se foi no país dessa anta.
    11. O burro precisa aprender e a ler, pois o Lula nunca foi delato em nenhuma corrupção, só seu foi no curral do burro.
    12 .razao o burro escreveu errado é razão.
    Vai entender um burro desse, querendo falar em politica .

  • PROFESSOR

    TEMOS QUE PASSAR A LIMPO ESSE PAIS, iniciando com a expulsão de idiotas e burros políticos, como você que não tem nada na cabeça a não ser merda e só sabe falar o que lê na Folha, na UOL, no Estadão e no Facebook .
    A Constituição brasileira promulgada em 1988 não estabelece em nenhum de seus capítulos ou parágrafos, que o Governo Federal precisa de autorização para gastar dinheiro onde quer que seja, pois o mesmo tem autonomia para isso. ( esta dando para entender ), então felaste mais uma asneira, que não sei de onde tiraste, de um pedaço de papel higiênico ou de sua cabeça, que esqueceste de limpa-la bem.
    O Governo de Dilma não tem nenhum processo ou denúncia no STF, contra ele, a não ser :

    Governo tenta no Supremo suspender análise de contas de Dilma no TCU
    Advocacia-Geral da União questiona isenção e imparcialidade de relator.
    Governo quer que TCU analise ‘suspeição’ de ministro antes de julgar contas.
    A Advocacia-Geral da União (AGU) pediu nesta terça-feira (6) ao Supremo Tribunal Federal (STF) a suspensão do julgamento no Tribunal de Contas da União (TCU), marcado para esta quarta (7), que analisará as contas de 2014 do governo da presidente Dilma Rousseff.
    Na peça, a AGU, que representa o governo, questiona a isenção e imparcialidade do relator do caso na Corte, ministro Augusto Nardes, por ter emitido opiniões antes do julgamento. O mandado de segurança inclui um pedido de liminar (decisão provisória), que pode ser proferida de forma imediata e sem que se ouça o próprio TCU.
    Por sorteio, foi designado como relator do pedido de suspensão no Supremo o ministro Luiz Fux. Não há previsão de horário para ele emitir a decisão.
    No pedido, a AGU quer que o Supremo proíba o TCU de julgar o caso sem antes analisar a “suspeição” de Nardes para relatar o processo.
    “As manifestações do Ministro Relator junto ao TCU não constituem declarações genéricas. Ao contrário, manifesta opinião concreta sobre o processo de contas da Presidente da República, ainda pendente de apreciação. Referida conduta é ilegal e acarreta a suspeição do ministro, além das possíveis consequências de ordem disciplinar”, diz o pedido.
    Deu para entender seu ameba, foi o governo que entrou no STF contra o TCU, porque o Ministro Nardes que esta sendo investigado e já comprovado, que recebeu também dinheiro da Lava Jato, junto com o seu sobrinho, condenou o governo de Dilma pelas tais das Pedaladas; Pedaladas estas que foram dadas em todos os Governos dos ex-presidente da República, inclusive Governadores dos Estados.
    Se sua irracionalidade leu o Jornal Folha de São Paulo, Carta Capital e O GLOBO, ontem deve ter lido ( não sei se es capaz ), numa entrevista do Ministro Levy, dizendo e confirmando que no ano de 2015, o governo da Presidente Dilma não praticou nenhuma pedalada e que quanto a isso eles estavam tranquilos, pois seria mais um motivo para Cunha não aceitar o novo Impeachment dos golpista.
    Quero lhe informar mais uma vez que a Constituição Promulgada ( aprovada ), em 1988 e cujo presidente da Assembléia Constituinte foi Ulisses Guimarães( conheceste ou conheceu este politico ), não permite sobre hipótese alguma golpe de Estado, mas impeachment sim, quando ficar comprovado que o Presidente da República, participou de corrupção< ( o que não é o caso ), pois até agora nenhum delator citou os nomes dos imbatíveis Lula e Dilma.
    Por isso energúmeno o Governo não tem 4 processos contra ele no TCU, STF e nem no TSE, pois no TSE, o que teve foi uma tentativa dos golpista de exigirem e o ministro concedeu, uma investigação sobre a eleição de 2014, e que no final os próprios golpistas , reconheceram que nada de anormal tinha acontecido.
    Meu amigo o governo precisa ter maioria no Congresso, para poder aprovar suas leis, para depois a Presidente sanciona-las , mas se o Congresso fizer alguma lei e aprovar, vai para a Presidente que pode inclusive vetá-las ( tornar inválidas ) e as mesmas voltam para o Congresso para serem revistas e talvez depois com emendas ou não aprovadas.
    Você é muito Burro mesmo onde já se viu Constituição prever Golpe. Onde já se viu 4 tesoureiros do PT presos. Onde já se viu 2 ex- Presidentes presos.
    Sabia seu Boçal que o PT é o partido politico que mais tem filiados no Brasil, só tem 1,74 milhão de filiados, analfabeto, soma a dos outros partidos e veja a diferença. LULA 2018. Por favor não faça eu rasgar meus Diplomas, por causa de uma Besta igual a você.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *