TRIBUNAL DÁ 15 DIAS PARA NICE TOMAR PROVIDÊNCIAS CONTRA PARINI

DSC02640-pqO Diário Oficial desta sexta-feira está publicando despacho de um conselheiro do Tribunal de Contas de Estado, onde ele dá o prazo de 15 dias para que a prefeita Nice Mistilides tome providências contra o ex-prefeito Parini, por conta de irregularidades em um contrato.

A encrenca é por conta do contrato que terceirizou o fornecimento da merenda escolar, firmado em 2006, entre a Prefeitura de Jales e a empresa Gente Ltda. A licitação e o contrato foram considerados irregulares pelo TCE, que aplicou uma multa de 500 Ufesp’s (R$ 10 mil) ao ex-prefeito Parini.

Em abril deste ano, depois de muitos recursos – todos julgados improcedentes – o TCE oficiou a Prefeitura de Jales, solicitando que a municipalidade tomasse as providências de praxe.

Aparentemente, a prefeita fez ouvidos moucos. Na publicação de hoje, o TCE está dizendo que “a atual Gestora de Jales não esboçou qualquer iniciativa reclamada”, e, por isso mesmo está reiterando o pedido para que ela dê um jeito de fazer o que tem que ser feito.

Ao mesmo tempo, o TCE está reiterando ofício ao ex-prefeito Parini, a fim de que ele, também no prazo de 15 dias, apresente documentos que comprovem o pagamento da multa. 

4 comentários

  • Valdeir

    This is POWER PT!!!

  • prefeito e o file' mion

    Alem da multa, o TCE nao explicou quais sao as providencias que devem ser tomadas.
    Historicamente, todos os prefeitos ganham “ajuda” para a sua proxima reeleiçao das empresas que pegam o lixo, a merenda escolar e obras.
    No caso da merenda, eles começam servindo “file’ mion” e terminam dando “ovo” para as crianças comerem.
    Metade do “file’ mion” vai para a casa do prefeito para pagar a multa do TCE e o advogado.
    E sobra troco

  • Penico

    Olhar dela pra ele: ºººº..será que eu serei você amanhã?ººº…
    Olhar dele pra ela: ººº..hihihi..Nem!ººº…

  • Tonho Toicim

    Belo casal

Deixe uma resposta para Penico Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *