TRIBUNAL DESAPROVA CONTAS DE PEDRO CALLADO

Na verdade, as contas não são apenas de Callado. A desaprovação do TCE se refere às contas anuais de 2015, quando nós tivemos três prefeitos: Nice, Callado e Tiquinho.

A Ungida, vocês se lembram, governou menos de dois meses naquele ano, antes de ser defenestrada pela Câmara. E Tiquinho, o Breve, governou apenas 15 dias, durante uma licença de Callado. Quem ocupou o assento de prefeito durante mais tempo, em 2015, foi mesmo Callado. Coisa de 10 meses. Daí que a reprovação das contas diz mais respeito a ele, que já está preparando um recurso.

Os motivos que levaram os ilustres conselheiros do TCE a emitir parecer desfavorável às contas de 2015 nós só vamos ficar sabendo quando o relatório chegar à Câmara. Sabe-se, porém, que os salários dos agentes políticos (prefeito, vice-prefeito, secretários e vereadores) e o 14º salário dos servidores estão entre as falhas apontadas pelo Tribunal.

Outro mote para a desaprovação foi o déficit orçamentário apresentado no final daquele ano. Ou seja, a Prefeitura gastou mais do que arrecadou. E é justamente para arrecadar mais e evitar o tal déficit que o atual prefeito, Flávio Prandi, está tratando de aumentar impostos. Afinal, só com as parcelas do empréstimo de R$ 4 milhões  para recape, a Prefeitura vai gastar cerca de R$ 1,2 milhão por ano.

O prefeito estima, também, que terá de gastar entre R$ 800 mil e R$ 1 milhão com a repaginação do Bosque Municipal, que está sendo exigida pelo Ministério Público.

Esses são, pelo menos, dois dos argumentos que Flá está utilizando para convencer os vereadores a aprovar o reajuste da Planta Genérica.

16 comentários

  • Humirde

    Tem terá a CORAGEM de dizer/alegar que o DOUTOR PEDRO teve algum benefício enquanto foi prefeito, pode ter havido erros de gastos, mas não que ele levou vantagens, enquanto SENHOR Cardoso (bloqueiro), o Parini quando chegou em JALES, oriundo da cidade de LINS, foi morador da COHAB ROQUE VIOLA, e hoje financeiramente quem é o Senhor Humberto Parini, crescimento expressivo financeiramente né, TALVEZ, inclusive com a sua ajuda politicamente.

  • Rolando Lero

    Hum…sera que haverá corporativismo como ouve no processo da FACIP…ou talvez sua nomeação na procuradoria não seria para ter suas contas aprovadas ??? Fiquemos calados…

  • Prefake Dória Jestor

    É o Tal juiz de rodeio show mostrou-se um belo de um incompetente, imagina um cara que sempre canetou todo mundo agora vai ser canetado! Parabéns para o executivo da Philips, do Ivan das Calcinha é para o Traíra Abra, este último será que vai votar a favor ou contra!?? Vamos ver o demagogo que este moço é!

  • Alguém

    Aqui se faz aqui se paga Dr. Pedro gogó. A justiça de Deus começou a ser feita. Dr. Pedro e sua cúpula era perseguidores e golpista.
    Glória a Deus! A justiça está sendo feita.
    Como disse o camarada a Duplicata está chegando!

  • Geroma.

    Callado é lamentável como político. Que triste!!

  • grobo

    Quero ve agora Dr. Golpista. Esta achando que foi igual a Facip tirou o corpo fora e culpou os companheiros. A justiça tarda mais ñ falha. Culpa agora que foi a Nice, tiquinho e não foi o seu time O Philips e o Ivan das Calcinhas.
    Ainda pior fazer uma dívida de 4 milhões.
    Não conseguiu uma verba Da filha de Jales. Defende agora Traíra Abra.

  • Égua

    Vereadores…. estamos de olho….os que votarem a favor do projeto de lei para majorar impostos, terão seus nome incluídos em lista que circulará em whatsapp e Facebook…..e os jalesenses jamais votaram em vcs novamente……e segunda feira a população jalesense lotando a câmara, para não aprovarem esse projeto que pisa no contribuinte….vamos lá pessoal!!!!!

  • PSDB

    Isso é bom para ele, que tinha um filho pendurado no gabinete do deputado de Fernandópolis, que só ganhava dinheiro é nunca fez nada para o povo, quero ver os vereadores vão votar, que você acha Cardosinho, nossos edis vão seguir o parecer ou votar contra?

  • Humirde

    Então né aqui todos nós usamos pseudos, porque os autores dos comentários acima não marcam com o Dr. Pedro e digam PESSOALMENTE, inclusive pro CADINHO também esses pensamentos…….

  • Joao

    Jogada de mestre, quem defenderá na justiça se for necessario a Prefeitura quanto a rejeição das contas, imagino que será a Procurdoria Juridica do Municipio, portanto o Doutor recebera seus salarios para se defender, ou to errado, me ajuda ai Cardosinho.

    • Errado. A Procuradoria Geral defende as causas da Prefeitura. As causas do prefeito, ou do ex-prefeito, são defendidas por advogados contratados para isso. No caso do Callado, ele deverá ser defendido pelo filho, o Cadinho, que é especialista em coisas do Tribunal de Contas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *