VEREADORES DE JALES DIMINUÍRAM EM QUASE 70% OS GASTOS COM VIAGENS

Enquanto a Câmara Municipal de Aspásia recebe a visita da Polícia, que foi até em busca de documentos para comprovar denúncias de mau uso do dinheiro público, incluindo gastos exorbitantes com combustíveis e transporte de vereadores, aqui em Jales os vereadores diminuíram drasticamente as despesas com diárias de viagens, em 2018.

No ano passado, nossos vereadores fizeram 18 viagens a São Paulo, Brasília e outros destinos, com as quais gastaram cerca de R$ 18,2 mil. Neste ano, até a semana passada, as viagens diminuíram para apenas 10, que custaram algo em torno de R$ 6,2 mil, um redução de 66% nesse tipo de despesa. O fato de 2018 ter sido um ano eleitoral colaborou para a diminuição das viagens.

O valor gasto em 2018 – R$ 6,2 mil – foi o menor dos últimos dez anos. Em 2013, por exemplo, a Câmara gastou R$ 31,4 mil com viagens. A viagem mais cara dos últimos dez anos – R$ 5,1 mil – ocorreu em 2017, quando quatro ou cinco vereadores estiveram em Brasília. Individualmente, o vereador Tiago Abra foi quem fez a viagem mais cara: R$ 1,6 mil, em 2015.

Neste ano de 2018, como já ocorrera em 2017, quem mais viajou foi o vereador Macetão. Ele fez cinco viagens, algumas delas sozinho e outras acompanhado por colegas. Depois de Macetão, quem mais pegou a estrada foram os vereadores Bismark, Deley, Zanetoni e Pintinho, com três viagens, cada. Já Tiago Abra e Chico do Cartório não viajaram nenhuma vez.

9 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *