GAROTA DE PROGRAMA DE JALES É ESTUPRADA EM SANTA FÉ DO SUL

A vida não está fácil nem para as mulheres de vida fácil. Vejam a notícia que o Colombo postou em seu site, o Informa Mais:

A DDM – Delegacia de Defesa da Mulher investiga a denúncia de um estupro praticado contra uma garota de programa na madrugada de quinta para sexta feria (16) em uma estrada vicinal em Santa Fé do Sul.

A vítima CAS, de 28 anos, que trabalha na Boate Love Story da cidade de Jales, declarou a Polícia Militar que dois homens contrataram ela e mais uma colega para fazerem um programa sexual e que seguiram para um motel em Santa Fé do Sul.

C disse que ao chegar no motel os casais ficaram em quartos separados e que seu companheiro, o suspeito LGA, de 38 anos, se negou a usar preservativo (camisinha) e iniciaram uma discussão. Após o desentendimento L  e a garota de programa deixaram o motel e seguiram com uma Perua Kombi para uma estrada vicinal de terra no município de Santa Fé do Sul.

Segundo a garota de programa, o rapaz mediante a ameaça de morte, e portando uma arma de fogo a agrediu com tapas e socos e a obrigou a fazer sexo. Logo após, retornaram para um quarto de um outro motel e lá a mulher manteve contato via celular com a dona da Boate em que trabalha e conseguiu escapar do rapaz.

Por volta das 9h00m da manhã de sexta-feira (16), CAS acionou a Polícia Militar que conduziu as duas garotas para a DDM, onde o Delegado Gervásio Fávaro interrogou a suposta vítima de estupro.

Diante das declarações da vítima e a identificação da Perua Kombi, a Policia Militar fez diligencia em um sítio localizado no Bairro do Bonito de Santa Fé do Sul, onde encontrou o veículo, e interrogou uma mulher que confirmou que LGA é seu marido e que não havia passado a noite em casa. Na Perua Kombi foi encontrada uma presilha de cabelo que pertencia a C.

A mulher disse que seu marido havia deixado o local minutos antes da chegada da PM que também interrogou um funcionário do sítio, o qual confirmou que, em companhia de L, contratou as garotas de programa em Jales e foram para um motel em Santa Fé do Sul, mas não confirmou a denúncia de estupro praticado por L.

A vítima passou exames de corpo de delito e a DDM segue investigando o Caso.

3 comentários

  • Roberto.

    Que Boate é essa em Jales? A policia deve investigar se não há exploração da prostituição lá. Com esse nome sugestivo…. Mesmo que não se confirme o estupro da prostituta, a casa caiu pro safado.

  • Cleber

    A policia precísa mesmo investigar e fechar essas zonas. Normalmente as cefetinas já são conhecidas.

  • Eduardo

    Por falar em zona, Cardosinho, você tem mais notícias sobre o Dr. Emerson Algério Toledo? Vi na TVTEM, hoje, 20.01.2015, que está preso na cadeia de Jales. Será que fica por alguns meses? Será que vai para Riolândia? rsrs…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *