RÉU E VÍTIMA TROCAM DE ESPOSAS E DIVIDEM FAMÍLIA

O curioso caso aconteceu em Votuporanga. Vejam a notícia do Correio Santa Fé:

Curiosamente, final feliz para o réu Antônio Marcos Bucalon e a vítima Renato Dourado da Silva, no julgamento de hoje (5/4) no Fórum de Votuporanga. Bucalon foi denunciado pelo Ministério Público por tentativa de homicídio contra Renato, mas durante o júri a situação mudou e a tipificação criminal foi alterada para lesão corporal.

Poucas vezes se viu depoimento no júri como o de Bucalon. Ele lamentou o ocorrido, dizendo que não teve intenção de matar o atual marido de sua ex-mulher as canivetadas, em 19 de dezembro de 2011, durante a abertura do comércio no período noturno. Segundo ele, tudo se deu por causa de uma briga.

Promotoria e defesa pediram a dispensa de todas as testemunhas, incluindo a vítima.

Além disso, o rapaz também revelou que se casou com a ex-mulher da vítima. Ou seja, houve a troca de esposas – sem planejamento . A segunda união, segundo ele, se deu após três anos da separação da primeira companheira.

Atualmente, cada família tem dois filhos de cada lado e todos convivem em harmonia. Para o advogado do réu, Douglas Teodoro Fontes, os jurados entenderam que não houve intenção de matar. Bocalon foi condenado a 2 anos e seis meses de reclusão, com direito de recorrer em liberdade. Fontes recorrerá para reduzir a pena.

4 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *