FUMANDO NO BANHEIRO

Corria os anos oitenta. O espirituoso Millôr Fernandes devia estar desgostoso com alguma coisa e, em busca de conforto, tascou uma frase de grande valor filosófico, que dizia mais ou menos o seguinte: “o que me consola é saber que, em alguma hora do dia ou da noite, o Pelé, a Xuxa, o Papa, a Luiza Brunet e até o Brizola, também entregam-se ao prazer incomparável de sentar-se no vaso sanitário”.

Naquela época, o Brizola – de quem o Millôr aparentemente não gostava muito – ainda era vivo. E a Joana Machado, provavelmente, nem era nascida. Pois bem, ontem enquanto o governo anunciava que vai distribuir remédios de graça para hipertensos e diabéticos, a notícia mais lida nos sites de novidades nos dava conta de que a Joana Machado havia acabado de fazer um ensaio sensual para uma revista especializada.

E, além de me remeter ao Millôr, uma das fotos sensuais me fez lembrar uma outra frase, dita por um dos personagens do livro O Amor No Tempo do Cólera, do Gabriel Garcia Márques, Prêmio Nobel de Literatura. Dizia o personagem que “o mundo está dividido entre aqueles que cagam bem e aqueles que cagam mal“. Definitivamente, tanto o Millôr, quanto o Gabo estão cheios de razão. Somos todos iguais, mas com algumas diferenças.

4 comentários

  • zédovento

    num to nem cagando onde ela tá sentada, lavo tó novo, pronto pra uso

  • Dalua

    O escritor Mario Vargas Llosa no seu livro Cheiro da Pobreza diz: “O desenvolvimento não é o telefone, a internet, …………….., mas o vaso sanitario”. O filme de Fernanda Torres “Saneamento Basico” também fala dos esgotos.
    A cidade de Jales lança 6 milhões de litros esgotos com 10.000 quilos de fezes todos os dias. Cada 100 ml(metade de um copo) de esgotos chega na estação com 45 mil coliformes fecais (só existe em animais sangue quente). Abraços.

  • O que significa, meu prezado Dalua, que,salvo engano, cada jalesense está produzindo, em média, pouco mais de duzentos gramas de m… por dia. Até que não é muito.

  • Paulo Reis Aruca

    Tem gente por ai que faz bem mais merda que essa media!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *