OS JAPONESES E SUAS ESTRANHAS TRADIÇÕES

Esses japoneses são mesmo muito curiosos. Todos os anos eles se reúnem em uma comunidade, perto de Tóquio, para festejar o «Hōnen Matsuri», ou o «Festival do Pênis», onde celebram a fertilidade desfilando com um gigantesco “bilau”.

O evento começou a ser comemorado há três séculos, quando prostitutas que trabalhavam na região começaram a procurar o templo para pedir proteção contra uma epidemia de sífilis.

Atualmente, o festival celebra os fiéis que desejam partos sem problemas, casamentos ou relacionamentos harmoniosos, mas também vem ganhando novos significados, como os pedidos de proteção contra a Aids. 

O pênis gigante (não seria um incoerência?) é feito de madeira, tem 2,5 metros de altura e pesa 280 quilos. Ele só pode ser transportado por homens de 42 anos, idade considerada crítica pelos devotos. 

Depois do desfile, o gigantesco pênis é depositado no túmulo de Tagata Shinto, que fica no templo da deusa da fertilidade, Takeinadane-no-mikoto. Durante o “Festival”, são comuns os alimentos com formatos fálicos. Os mais famosos são salsichas enroladas em pão, que simboliza o órgão genital feminino.

Curioso, não? Agora vejam, abaixo, as fotos de um outro estranho festival, realizado ontem, onde os japoneses celebram a chegada dos jovens à idade adulta:

10 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *