Arquivos do autor: cardosinho

CASA PEGA FOGO NO SÃO JUDAS TADEU

Uma casa de três cômodos – sala, quarto e banheiro – pegou fogo ontem, por volta das 20 horas, na Rua Cacique, localizada no Bairro São Judas Tadeu, em Jales. A origem do incêndio teria sido a fiação elétrica de um dos cômodos, que entrou em curto-circuito. Na hora do incêndio, não havia ninguém em casa, cabendo aos vizinhos a tentativa de controlar o fogo e chamar os bombeiros. A moradora, Vanessa Alves, de 24 anos, e a filha dela, Fernanda, de 6 anos, estavam ausentes, quando o fogo começou. Vanessa, que trabalha como doméstica, está desempregada atualmente. Todos os móveis da casa foram destruídos pelo incêndio, além das roupas das duas moradoras e de uma bicicleta semi-nova, que Fernanda – a filha – tinha ganhado de presente havia poucos dias. A Rádio Assunção – através dos comunicadores Mariângela Virgílio e Alexandre Ribeiro, o Carioca – realizou campanha de doações para tentar repor os móveis da casa e conseguir roupas para Vanessa e Fernanda. O telefone para doações é o 9636-6083.

NOTAS FRIAS LEVAM PREFEITOS PARA CADEIA

Sete prefeitos e dois ex-prefeitos do interior do Piauí, foram presos ontem pela Polícia Federal, durante a operação “Geleira”, que levou 30 pessoas prá cadeia. Eles estão sendo acusados do desvio de cerca de R$ 20 milhões de recursos destinados à compra de medicamentos, merenda e material escolar. Os prefeitos teriam utilizado notas frias para simular compras de produtos. As investigações da Polícia Federal duraram dois anos e foram realizadas em conjunto com a Controladoria Geral da União(CGU) e com o Ministério Público Federal. Os municípios que tiveram seus prefeitos presos estão entre os que têm a renda per capita mais baixa do Piauí, segundo o IBGE. A única exceção é o município de Uruçuí, uma cidade que se beneficia da plantação de soja. Em Uruçuí, foram presos o ex-prefeito Francisco Donato(PMDB) e o atual prefeito, Valdir Soares(PT).

Por falar em notas suspeitas, a Prefeitura de Jales – onde o secretário Rubens Chaparim é muito rigoroso com os comerciantes locais no preenchimento e emissão de notas fiscais – aceitou a prestação de contas de uma empresa que executou serviços na Facip 2009, onde foi juntada, entre outras coisas, uma nota fiscal, no valor de R$ 20 mil, cujo talonário era de 2002. Segundo informações, o Ministério Público teria apurado que a empresa emitente da nota estaria inativa há muito tempo. Resta saber agora quais providências estão sendo tomadas.

NOVO CONTRATO DA MERENDA ESCOLAR AINDA NÃO FOI ASSINADO

Apesar de já ter transcorrido quinze dias da publicação no Diário Oficial do Estado, dando conta da vitória da Gente Gerenciamento em Nutrição Ltda na concorrência aberta para fornecimento da merenda escolar em Jales, o novo contrato com a empresa ainda não foi assinado pelo prefeito Humberto Parini.

Como já dissemos por aqui, o prefeito deve estar numa sinuca de bico. Se assinar um novo contrato com a empresa Gente Ltda – que está sendo investigada pelo Ministério Público e pela Câmara, por supostos malfeitos no fornecimento da merenda – Parini poderá estar assinando também o seu atestado de incompetência. Se, por outro lado, ele não firmar o contrato, vai arrumar uma encrenca com a empresa que, certamente, levará o caso para a Justiça. Como foi possível perceber, a Gente não está a fim de largar o osso.

Segundo informações, o novo contrato ainda não foi assinado porque a empresa não entregou um documento faltante. Por outro lado, o prefeito deve estar dando um tempo, para refletir sobre o assunto, no que ele faz muito bem. Afinal, se o Lula demorou meses para decidir sobre o caso Cesare Battisti, por que Parini não poderia analisar o caso da merenda escolar um pouco mais. Um único problema: enquanto Parini estuda o caso – dizem, por sinal, que ele é o estudante mais aplicado da cidade – a Prefeitura está pagando R$ 1,64 por refeição, e, como se sabe, sob o novo contrato, a Gente terá que fornecer a alimentação por R$ 1,39. Vocês acham que ela vai ter alguma pressa em entregar o documento que está faltando?

FAUSTO, AGORA ESCRITOR

A vida é cheia de surpresas! Um dia desses, ao abrir o Jornal de Jales, fiquei sabendo que o meu ex-colega de Banco do Brasil, o Celso Antonio dos Santos, tinha acabado de lançar o seu segundo livro de poesias. Até aí, nenhuma surpresa. Afinal, o Celsão sempre teve lá seus ares de intelectual. Gostava de bons filmes, boa música e nunca dispensou um bom livro. Nos tempos em que fomos adidos, em Santa Albertina, por volta de 1982, dividíamos o mesmo quarto na pensão de dona Ambrolina e, na cabeceira do Celsão, sempre repousava algum livro, que ele folheava antes de dormir.

Surpresa mesmo, eu tive ontem, ao receber um email de outro ex-colega de Banco, o Fausto Koichi Kamikawachi. Ele também virou escritor. E dos bons, pelo pouco que vi depois, jogando o nome dele no Google e lendo a orelha do seu primeiro livro.  “Anjos do Bem e do Mal” é o nome da brochura e, segundo li na ficha técnica divulgada pela editora, trata-se de um romance de auto-ajuda. Mas, parece que além da prosa, ele também ataca de poeta. E deve estar fazendo sucesso como escritor, pois, segundo ele escreveu no email, já está preparando outros quatro livros. Vejam só, eu trabalhei com um Paulo Coelho e nem percebi!

E, cá prá nós, nem tinha mesmo como perceber, pois o Fausto não era muito dado a leituras. No máximo, podia ler alguma revista, ou a Bíblia, já que, de vez em quando, ele frequentava uma igreja evangélica. Mas do que ele gostava mesmo, era de jogar futebol. Fazia isso de segunda a segunda, para desespero da mulher dele, a Carmem.  Aos domingos, disputava campeonatos de várzea e, como não tinha lá muita técnica, na segunda-feira chegava ao trabalho, invariavelmente, com algum hematoma. 

Dizem os crentes que, a Deus nada é impossível. E, a julgar por esta surpresa que o Fausto me aprontou, não é mesmo! Segundo constatei num site especializado em literatura, ele descobriu sua veia literária depois de estudar as Escrituras Sagradas. Vejam como os desígnios de Deus são deveras estranhos: tenho um outro ex-colega que passou a vida lendo as Escrituras e, aparentemente, não aprendeu nada!

SHAOLIN: MÉDICOS NÃO DESCARTAM AMPUTAÇÃO DE BRAÇO

O neurologista Luciano Holanda, que operou nesta quarta-feira (19) o humorista Shaolin, ferido em um acidente de carro na Paraíba, afirma que o estado de saúde dele continua grave, mas estável, e que não está descartada a possibilidade de uma amputação do braço. Holanda afirma também que não há lesões aparentes na cabeça do humorista.

Shaolin está internado na UTI do Hospital Antonio Targino, em Campina Grande(PB). Ele pode ser transferido para um hospital em São Paulo, mas a decisão será confirmada nesta quinta-feira (20). O humorista, cujo nome verdadeiro é Francisco Jozenilton Veloso tem 39 anos e sofreu um grave acidente, na noite da terça-feira (18), quando dirigia na BR-230, em Campina Grande.

Ele já passou por duas cirurgias – uma na cabeça, devido ao traumatismo, e outra para reconstrução do ombro – e ainda corre risco de morte, segundo o médico que o operou. Uma nota publicada pela família de Shaolin informou que mesmo em coma induzido, o humorista está reagindo aos estímulos neurológicos, o que é encarado como bom sinal pela equipe médica que cuida dele.

Após as cirurgias, Shaolin reagiu ao ver a mulher Laudicéia, mas os médicos preferiram mantê-lo em coma induzido. De acordo com o neurologista Luciano Holanda, “mesmo em coma, ele tem reagido, o que é um bom sinal”. Shaolin está respirando sem a ajuda de aparelhos, segundo Holanda.

Acidente

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, o comediante da Rede Record dirigia no sentido São José da Mata, com destino a Campina Grande, quando um caminhão que vinha na faixa oposta invadiu a contramão e bateu contra o veículo do artista. Ainda de acordo com a PRF, os veículos se chocaram lateralmente. O motorista fugiu sem prestar socorro, mas já foi identificado pela polícia.

No momento do acidente, Shaolin estava sozinho no carro e foi levado por uma unidade do Corpo de Bombeiros, primeiramente, para o hospital regional da cidade, onde deu entrada, por volta da 0h15, com traumatismo craniano e o braço esquerdo praticamente amputado.

You need to a flashplayer enabled browser to view this YouTube video


ÁRBITRO “INIMIGO DA ITÁLIA” PODE FICAR PRESO CINCO ANOS

Deu no Blog do Mário Marcos:

Os italianos nunca mais esqueceram de dele. O equatoriano Byron Moreno, 41 anos, virou até personagem de piadas na publicidade italiana (veja o vídeo logo abaixo) por causa de sua desastrosa atuação na partida decisiva contra a Coreia do Sul na Copa de 2002. Inverteu faltas, não deu pênaltis, prejudicou seriamente a seleção da Itália, que acabaria eliminada com a derrota de 2 a 1.

Pois bem, agora Moreno está envolvido em um escândalo muito mais grave do que seus erros naquela partida. Ele pode ser condenado nos Estados Unidos a mais de cinco anos de prisão pela acusação de tráfico de heroína, de acordo com o promotor-geral americano.

Ele está detido desde setembro do ano passado, sem direito a fiança, quando desembarcou no Aeroporto John F. Kennedy, de Nova York. Moreno mostrou-se visivelmente nervoso, segundo relatório dos inspetores, na hora da inspeção e acabou provocando suspeitas. Descobriram, então, os pacotes da droga, que estava em pequenas bolsas presas ao corpo.

Falta só marcar a data do julgamento.

Veja um dos vídeos em que os italianos brincam com os desastres de Moreno:

You need to a flashplayer enabled browser to view this YouTube video

ENTIDADE SUGERE MÁRLON REIS PARA O STF

O juiz maranhense Márlon Jacinto Reis está sendo indicado pela Associação Brasileira dos Magistrados, Procuradores e Promotores Eleitorais (Abramppe), para ocupar a 11ª cadeira de ministro do Supremo Tribunal Federal, que está vaga desde a aposentadoria do ex-ministro Eros Grau. Márlon Reis é coordenador do Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral e um dos criadores e redatores do projeto que deu origem à Lei da Ficha Limpa.

A indicação de ministro do Supremo Tribunal Federal cabe exclusivamente ao presidente da República. Depois da indicação pelo presidente, o candidato a ministro precisa passar por uma sabatina do Senado Federal, antes da aprovação final. Ao indicar Márlon, a Abramppe tenta difundir a idéia de fazer com que as escolhas para o STF passem a levar em conta as posições da sociedade civil.

Márlon Reis esteve em Jales, em 2004, durante a campanha eleitoral daquele ano. Naquela época, Márlon já era famoso pela iniciativa de criar o Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral, ligado à Transparência Brasil. Ele esteve em Jales, a convite do bispo dom Demétrio Valentini, para uma palestra aos candidatos a prefeitos e a vereadores das cidades vinculadas à Diocese de Jales, sobre os perigos da corrupção eleitoral.

O encontro foi na Escola Vocacional e, na ocasião, os cinco candidatos a prefeito de Jales – Parini, Flávio Prandi, Hilário Pupim, Nice Mistilides e Rato – estiveram presentes à palestra. Este aprendiz de blogueiro, que à época cuidava da campanha de rádio do candidato Parini, também participou da palestra, por sinal, muito interessante.

Posteriormente, algumas entidades locais lançaram, com apoio da Igreja Católica, um panfleto contra a corrupção eleitoral e, principalmente, estimulando denúncias contra a prática da compra de votos. O panfleto, na avaliação de alguns observadores da cena política local, teria facilitado a vitória de Humberto Parini. E teria deixado alguns adversários do petista magoados com os autores da iniciativa.

1 1.325 1.326 1.327 1.328 1.329 1.337