Arquivos do autor: cardosinho

SEBRAE E ASSOCIAÇÃO DE CRIADORES DE OVINOS INICIAM PARCERIA NA REGIÃO DE JALES

ovelhas

Acho que sou mesmo um sujeito mal informado. Eu nem sabia que tínhamos uma Associação de Criadores de Ovinos aqui em Jales. Vejam a notícia do Canal Rural:

A Associação Paulista de Criadores de Ovinos (Aspaco), a Associação dos Criadores de Ovinos da Região de Jales (Ascorj) e o Sebrar vão iniciar a elaboração de um projeto piloto para o melhoramento genético do rebanho comercial de ovinos, em parceria com os criadores da região de Jales, no noroeste do estado de São Paulo, utilizando sêmen das raças Dorper e White Dorper. 

O projeto é uma das medidas propostas durante reunião com o secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Arnaldo Jardim, no mês passado.

“A ideia é reunir além da Aspaco, a ABC Dorper, o Sebrae e o governo do estado para que nesse projeto piloto possamos incentivar e fomentar a ovinocultura paulista”, afirma o presidente da Aspaco, Bruno Garcia Moreira.

Para o Sebrae, o melhoramento genético é fundamental para o desenvolvimento dos criadores de ovinos, sobretudo para a região de Jales, que está fora do centro do estado.

“É muito importante a Aspaco encabeçar um projeto como esse, que incentiva a adoção de novas tecnologias, como a inseminação artificial, essencial para o melhoramento genético. Não tenho dúvidas de que haverá um ganho muito grande para a produção de carne ovina”, ressalta a consultora Viviane Karina Gianlorençoa.

BETO RICHA, PETROBRAS E OUTROS ASSUNTOS

richa_massacre

Um vídeo (veja aqui) feito de uma das janelas do Palácio Iguaçu, sede do governo do Paraná, está repercutindo na internet. Segundo o jornalista Esmael Moraes, as vozes das pessoas que estão comemorando a ação da PM contra os professores, são de assessores do governador Beto Richa(PSDB). Enquanto a polícia lançava bombas e soltava cães ferozes pra cima dos manifestantes,  os palacianos comemoravam com gritos de “aêêê!” e “é isso aí!”.

Na Assembleia Legislativa do Paraná, um deputado que integra a base de apoio ao governador Beto Richa surtou durante a sessão de quinta-feira, 29. Ney Leprevost, do governista PSD, reagiu à informação de que as bombas foram lançadas contra “black blocs” infiltrados, xingando o governador de “bandido” e “covarde”. Aos gritos, ele dizia “olha aqui um black bloc” enquanto erguia o braço ensanguentado de um colega deputado que foi atacado pelos cães da PM.

Até a Folha de S.Paulo criticou o governador do Paraná. “Governador tucano se reelegeu após devastar as finanças do Paraná e agora recorre à truculência policial contra revolta de servidores”, diz um trecho do editorial de sexta-feira. Ao final, porém, a Folha deixa aflorar seu lado tucano, ressaltando que “Beto Richa é uma exceção dentro do PSDB, que cultiva bons gestores”.

Já o jornal paranaense Gazeta do Povo preferiu fazer uma comparação. Segundo o jornal, a maior agressão contra professores daquele estado aconteceu em 1988, quando o então governador Álvaro Dias(PSDB) mandou a polícia contra a categoria. Naquela ocasião, foram registrados apenas 10 feridos. Nas manifestações de quarta-feira, foram contabilizados cerca de 200 feridos.

Jornalistas paranaenses programaram um protesto para este domingo, contra a violência. Há alguns dias, um jornalista da RPC TV, que fazia reportagens sobre a rede de corrupção e pedofilia dentro da Receita Estadual do Paraná, foi ameaçado de morte. Diante da ameaça, a empresa providenciou a retirada do jornalista da cidade onde realizava a investigação que envolve pessoas muito próximas ao governador Beto Richa, como seu parente, Luiz Abi Antoun, e o ex-inspetor geral de fiscalização da Receita Estadual, Marcio de Albuquerque Lima.

Em Minas Gerais, onde o atual governador, Fernando Pimentel(PT) herdou uma grave crise na educação, parece que está prevalecendo o diálogo. Depois de criar um canal de comunicação com os professores, que ganham um dos menores salários do país, o governador assumiu compromissos como o pagamento do piso nacional da categoria até 2018. Pimentel disse, recentemente, que “professor não pode ser caso de polícia”.

Mesmo sob ataque da oposição e da imprensa, a Petrobras foi – junto com a CSN – a empresa que mais se valorizou em abril na Bovespa. As ações ON da Petrobras fecharam o mês com ganhos de 48,75%, cotadas a R$ 14,25, enquanto as PN dispararam 34,12%, para R$ 13,05. Com isso, a empresa fecha abril com um ganho de R$ 53,36 bilhões de valor de mercado.

A torcida do Santos ainda não perdoou a Rede Globo. No treino de sexta-feira, o penúltimo antes da final contra o Palmeiras, os torcedores entoaram diversos gritos de guerra contra a emissora dos Marinho. A revolta da torcida santista com a Globo se iniciou nas quartas de final do Paulista, quando o confronto do time praiano contra o XV de Piracicaba era o único marcado para as 16h de domingo, mas a Globo preferiu exibir o filme “O Espetacular Homem-Aranha”.

E não é só o Jornal Nacional que está perdendo audiência. Segundo o site F5, da Folha de S.Paulo, o “Programa do Jô” amargou um terceiro lugar na audiência pela primeira vez, desde que estreou em 2000. Na madrugada de quarta-feira, o programa com “As Meninas do Jô” marcou apenas 3,7 pontos, enquanto, no mesmo horário, o “Câmera Record” marcou 6 pontos e o “The Noite”, do SBT, alcançou 4,2 pontos.

A TERCEIRIZAÇÃO VAI AFETAR A VIDA DE MUITA GENTE. INCLUSIVE DE QUEM ACHA QUE NÃO TEM NADA COM ISSO

You need to a flashplayer enabled browser to view this YouTube video

 A Anamatra – Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho – vem divulgando alguns vídeos com depoimentos contrários à terceirização. Para a Associação, o projeto de lei que propõe novas regras para a terceirização, aprovado na semana passada pela Câmara dos Deputados e em discussão no Senado, não trará segurança jurídica às empresas ou ao trabalhador.

 Segundo a entidade, a regulamentação da terceirização, do jeito que está, pode ser vista como um passo para trás. “Esse projeto poderá resultar no maior retrocesso da história da legislação trabalhista brasileira desde a origem do trabalhismo e dos direitos sociais conquistados na década de 30”, avalia o diretor de Prerrogativas e Assuntos Jurídicos da Anamatra, Guilherme Feliciano.

Já a Confederação Nacional das Indústrias (CNI) defende a terceirização. Sylvia Lorena, gerente executiva de relações do trabalho da CNI, diz que “o que se busca é regulamentar a terceirização no país, de forma a tapar buracos que existem na jurisprudência brasileira, que não trazem segurança jurídica e não protegem empresas nem trabalhadores”.

Na quinta-feira, 30, a presidenta Dilma Rousseff defendeu a necessidade de uma legislação que regulamente a terceirização. Para ela, entretanto, é preciso aprovar uma lei que não precarize o trabalho. Também nesta semana, o ministro da Previdência, Carlos Eduardo Gabas, criticou o projeto aprovado pela Câmara dos Deputados. Para ele, a proposta fragiliza as relações de trabalho.

E os prezados leitores, o que pensam? O assunto merece uma reflexão, pois não vai afetar apenas os trabalhadores. O INSS e os institutos estaduais e municipais de previdência também serão afetados, pois as contribuições diminuirão. E, a médio prazo, isso poderá trazer problemas também aos aposentados ou àqueles que estiverem pensando em se aposentar. 

SEM ALARDE, VEREADORES APROVAM ANISTIA A DEVEDORES DE IMPOSTOS

Sessão 27 de abril

Nos anos de 2013 e 2014 nossos bravos vereadores rejeitaram  dois projetos da então prefeita Nice Mistilides, que concediam anistia de multas e cancelavam os juros moratórios devidos pelos contribuintes que aderissem ao chamado Refis para pagar seus impostos atrasados.

De outro lado, logo que assumiu, o atual prefeito disse várias vezes que não concederia anistias aos devedores de impostos. Callado dizia que, no máximo, ele pediria autorização à Câmara para parcelar os débitos dos inadimplentes, mas sem perdão de multas e juros.

Se me lembro bem, Callado alegava que teria sido inclusive alertado pelo Ministério Público para não repetir o que fizera o ex-prefeito Parini, que concedeu uma anistia em 2009 e está sendo alvo de uma ação civil pública, sob a acusação de ter renunciado a receitas.

Vejam, agora, a notícia distribuída pela assessoria de imprensa da Câmara:

A Câmara Municipal de Jales aprovou, por unanimidade, o Projeto de Lei nº 38/2015, que autoriza o Poder Executivo Municipal a conceder anistia de multas dos débitos tributários e não tributários inscritos em dívida ativa até o exercício de 2.014, ajuizados ou não.

O Projeto de Lei, votado em regime de urgência especial, estabelece que, a partir de sua sanção, o Poder Executivo Municipal ficará autorizado a conceder anistia de multas, além do parcelamento de débitos tributários e não tributários inscritos em dívida ativa até o exercício de 2.014, ajuizados ou não, para pagamento na forma prevista na referida lei.

A concessão de anistia de multas dos débitos de que trata o artigo 1º da referida lei se dará com 100% (cem por cento) de desconto, para pagamento à vista e 80% (oitenta por cento) de desconto, para pagamento parcelado.

No caso de pagamento parcelado, o contribuinte poderá fazê-lo em 07 (sete) parcelas, se aderir ao parcelamento até o dia 29 de maio de 2.015 e 06 (seis) parcelas, se aderir ao parcelamento até 30 de junho de 2.015.

Não é curioso? Dessa vez o projeto foi aprovado sem nenhum alarde. Eu, por exemplo, acompanhei a sessão da Câmara de segunda-feira e nem percebi a aprovação desse projeto. É certo que fiquei um bom tempo conversando com meus amigos da imprensa – Assis Duarte, Tony Ramos e Luiz Ramires – e não prestei muita atenção ao que estava sendo votado.

É certo também que o projeto de Callado guarda uma pequena diferença em relação aos projetos de Nice. Os da ex-prefeita perdoavam multas e juros moratórios. O de Callado perdoa apenas as multas.

De qualquer forma, os objetivos de Callado são os mesmos que a ex-prefeita tentava alcançar: arrecadar uma grana para reforço do caixa. No caso de Nice, os vereadores – utilizando-se de variados argumentos – negaram. No caso de Callado,  aprovaram rapidinho, sem nenhum barulho. 

Em tempo: Callado espera arrecadar R$ 2,5 milhões com as facilidades oferecidas aos inadimplentes.

DEU NA FOLHA NOROESTE DE HOJE

folha noroeste-02.05.15No jornal Folha Noroeste deste sábado, a principal manchete destaca uma obra realizada pela administração de Urânia, sob o comando do prefeito Francisco Airton Saracuza, que, de acordo com a notícia, vai trazer grandes benefícios para a população daquele município.

Trata-se de um canal a céu aberto construído para ajudar a conter a erosão que já começava a colocar em risco alguns prédios residenciais. A obra está custando cerca de R$ 250 mil, cobertos quase que totalmente com recursos de um convênio assinado com a Secretaria Estadual de Planejamento e Desenvolvimento Regional.

Na coluna FolhaGeral, o intrépido diretor do jornal, Roberto Carvalho, registra sua indignação com o fato de estarem querendo mudar o nome da Praça “Euphly Jales” para Praça da Fonte. Segundo o  colunista – também conhecido como Neco – “esse absurdo começou na administração da ex-prefeita Nice”. 

JUÍZA DE URÂNIA FOI VITALICIADA PELO TRIBUNAL DE JUSTIÇA

ImageFetch

O Tribunal de Justiça de São Paulo realizou na segunda-feira passada, 27/04, o vitaliciamento da juíza auxiliar da Comarca de Urânia, Thania Pereira Teixeira de Carvalho Cardin.

Na cerimônia, que ocorreu no gabinete do presidente da Corte, desembargador José Renato Nalini, houve a leitura do compromisso e, posteriormente, a assinatura do documento por parte da juíza e do presidente, que desejou sorte à magistrada.

Thania foi aprovada no “183º Concurso de Ingresso na Magistratura”, realizado em 2012. Ela chegou à última fase do concurso – a prova oral – juntamente com outros 102 candidatos, dos quais 24 foram aprovados, incluindo a juíza de Estrela D’Oeste, Marina Miranda Belotti, que classificou-se em primeiro lugar

Depois de passar por outras comarcas, como juíza substituta, Thania – que é natural de Presidente Prudente – foi designada para a Vara Única de Urânia em 2013. Quem conhece a doutora Thania, que é casada e mora aqui em Jales, diz tratar-se de pessoa bastante simples e extremamente dedicada à magistratura.

A TRIBUNA: EMPRESA AMEAÇA PARAR COLETA DE LIXO NOVAMENTE, SE NÃO RECEBER ATRASADOS

capa tribuna 03.05.15No jornal A Tribuna deste final de semana o principal destaque é para o caso da Proposta Ambiental Ltda, que continua ameaçando paralisar os serviços de varrição e coleta de lixo em Jales. A empresa já notificou a Prefeitura sobre uma possível nova paralisação, caso o município não faça o pagamento das notas fiscais que estão em atraso há mais de 90 dias.

Destaque também para a polícia de Jales que prendeu, nos últimos dias, 11 pessoas envolvidas com furtos e outras coisas mais. Ainda na seara da segurança pública, o jornal traz matéria com dados da Secretaria  Estadual de Segurança, onde fica demonstrado que, em março, o número de furtos em Jales foi o menor dos últimos dois anos.

O caso do ex-vereador André Macetão, que, depois de cassado, está sendo convidado a deixar o PSD; o leilão da praça do JACB, que está marcado para o dia 13 de maio; a condenação do deputado estadual Carlão Pignatari(PSDB) e a aprovação de um projeto do vereador Gilbertão, que proíbe os trens da ALL de buzinar à noite no perímetro urbano, são outros assuntos de A Tribuna.

No caderno social, destaque para a festa de aniversário da garotinha Ana Helena Bologna Vieira e para a coluna do Douglas Zílio. Na coluninha de bastidores políticos escrita por este aprendiz de blogueiro, destaque para o embate Ricardo Junqueira versus Matogrosso e para a inauguração do Centro Regional de Imagem da Santa Casa.  

EM FERNANDÓPOLIS, EX-FUNCIONÁRIA DA EMPRESA PROPOSTA DENUNCIA CONDIÇÕES DE TRABALHO

marilda

O repórter Beto Mariano, da Rádio Alvorada, entrevistou, na quinta-feira, 30, uma ex-funcionária da empresa Proposta Ambiental Ltda, que trabalhava na varrição de ruas em Fernandópolis.

Para quem não sabe, assim como aqui em Jales, a Proposta substituiu a Ecopav também em Fernandópolis.

Na entrevista, a moça, que trabalhava há 14 anos como varredora, faz sérias críticas às condições de trabalho oferecidas pela Proposta, que, segundo ela, seriam análogas ao trabalho escravo.

O bate-papo com a varredora, que se chama Marilda, foi acompanhado pelo vereador Chico Arouca, que aparece com ela na foto lá de cima. Mais detalhes sobre o caso, na edição desse final de semana do jornal A Tribuna.

JUSTIÇA CONDENA CARLÃO PIGNATARI À PERDA DO CARGO POR IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA

carlãoPosso estar enganado, mas me parece que o deputado Carlão Pignatari(PSDB) escreveu um artigo ou deu uma entrevista para um jornal aqui de Jales, há duas ou três semanas,  onde criticava a corrupção na Petrobras. E agora…

Bem, e agora ele está sendo condenado por envolvimento na chamada “Máfia das Ambulâncias”, descoberta em 2006. Não se iludam, porém. O julgamento ainda é da primeira instância e daqui uns trinta anos, quando chegar à última instância, o deputado será, provavelmente,  absolvido.

A notícia é do Diário da Região:

O deputado estadual Carlão Pignatari (PSDB) foi condenado pela Justiça Federal de Rio Preto à perda do cargo e à suspensão dos direitos políticos por cinco anos, em ação civil por improbidade administrativa. O tucano foi acusado pelo Ministério Público Federal de direcionar licitação para a compra de ambulâncias no período em que era prefeito de Votuporanga (2001-2008).

O esquema, que envolveu dezenas de prefeituras do País e desviou R$ 110 milhões do Orçamento da União, ficou conhecido como “máfia das ambulâncias” e era liderado pelos irmãos Darci e Luiz Antônio Vedoin, também condenados por improbidade com Pignatari. A decisão, de primeira instância, só será cumprida se a sentença for mantida pelos tribunais superiores até se esgotarem todos os recursos.

Segundo o MPF, entre 2003 e 2004 o atual deputado assinou dois convênios com o Ministério da Saúde para a compra de três ambulâncias, no valor total de R$ 259 mil. Foram abertas cinco licitações, todas na modalidade carta-convite, em que a prefeitura escolhe as empresas participantes. No total, dez empresas foram convidadas, sendo que seis delas eram controladas pelos irmãos Vedoin. 

Das cinco empresas vencedoras, três pertenciam ao esquema: a Planam, mais conhecida delas, que ganhou licitação para fornecer uma das ambulâncias por R$ 69.850, a Unisau, que venceu certame para equipar um veículo por R$ 63.140, e a Deva Automóveis, que forneceu um segundo automóvel por R$ 66 mil.

Além do envolvimento das empresas com comprovado envolvimento na máfia, o Ministério Público apontou outros dois indícios de direcionamento nas licitações: o pagamento à empresa Deva foi feito à Delta, que também integra o esquema mas perdeu a licitação, e a proximidade do valor dos convênios e das licitações, “o que demonstra que (os envolvidos) estavam cientes de que não haveria efetivamente concorrência”, segundo o procurador Jefferson Aparecido Dias.  

ENQUANTO ISSO, NA ASSEMBLEIA DE SÃO PAULO…

analice-capezPois é, enquanto uma razoável parcela da politizada gente paulista se distrai em manifestações supostamente  contra a corrupção, na Assembleia Legislativa de São Paulo os representantes dela (da gente paulista) se preparam para dar mais uma demonstração de respeito às vozes roucas das ruas.

A Mesa Diretora da Assembleia, presidida pelo deputado Fernando Capez(PSDB) e vice-presidida pela nossa conterrânea Analice Fernandes(PSDB),  está apresentando  quatro projetos que preveem a criação de 244 cargos em comissão, com salários que variam entre R$ 4,8 mil e R$ 17,7 mil.

Os quatro projetos serão discutidos em regime de urgência, que é para não dar tempo de termos algum debate sobre o assunto. Ou seja, o cabide de emprego da Assembleia poderá ser aprovado já na próxima semana. O deputado Carlão Pignatari(PSDB), relator especial da Comissão de Justiça e Redação, já deu parecer favorável aos quatro projetos.

Resumo da ópera: enquanto os coxinhas gritam contra Dilma, o trem da alegria passa.

SUPERMERCADO DE JALES VAI À JUSTIÇA PARA RECEBER DA PREFEITURA DE PARANAPUÃ

A Comercial Sakashita de Supermercados Ltda está cobrando, na Justiça, uma dívida da Prefeitura de Paranapuã. Segundo o supermercado, a dívida seria de R$ 13,9 mil, referente ao fornecimento de mercadorias.

O caso está tramitando na 2ª Vara Cível de Jales. De seu lado, a Prefeitura de Paranapuã alega que a dívida era de apenas R$ 13,1 mil, uma vez que já tinha pago R$ 750,00.

Em sua defesa, a Prefeitura – pasmem! – pleiteou que o supermercado  fosse condenado, sabe-se lá por quais motivos, a ressarcir, em dobro, os R$ 750,00 que estaria cobrando a mais. Ou seja, além de não pagar, a Prefeitura ainda queria receber alguns trocados.

A justiça, no entanto, não foi na conversa dos advogados da Prefeitura de Paranapuã e já disse que seria descabida a condenação do supermercado ao pagamento do dobro da diferença.

Para o juiz Marcos Takaoka, não houve má-fé do supermercado ao considerar que o valor da dívida era de R$ 13,9 mil. De outro lado, o magistrado  condenou a Prefeitura de Paranapuã ao pagamento dos R$ 13,1 mil da dívida e mais R$ 350,00 referentes aos honorários advocatícios.

PREFEITO PEDRO CALLADO BUSCA RECURSOS EM SÃO PAULO

Viagem02-Callado

A notícia é da Secretaria Municipal de Comunicação:

Na quarta-feira, 29 de abril, acompanhado pela deputada estadual, Analice Fernandes e o vereador Tiago Abra, o prefeito Pedro Manoel Callado Moraes esteve no Palácio dos Bandeirantes, em busca da liberação de recursos para Jales. 

Com o subchefe da Casa Civil, Dr. Rubens Cury, o prefeito e a deputada conversaram sobre a situação do município e as dificuldades para a adequação orçamentária.  Callado enfatizou os esforços que a administração tem feito para diminuir gastos e aumentar investimentos. 

Cury afirmou que vai acelerar a liberação de R$ 700 mil para o município, em atendimento a uma emenda de Analice e outra do ex-deputado Julio Semeguini, apresentadas em 2014. 

Na oportunidade, o prefeito participou do ato de assinatura do Projeto de Lei Complementar 32/2012, pelo governador Geraldo Alckmin, que estabelece novos critérios para criação de estâncias e municípios de interesse turístico.

RICARDO JUNQUEIRA PEDE REVISÃO NA APOSENTADORIA DE MATOGROSSO

ricardo junqueiraAo que tudo indica, estão tentando lançar uma bola nas costas do ex-dono da camisa 2 do time do Dom Bosco de Cuiabá, Lauro Figueiredo, o Matogrosso.

Explico: o auditor fiscal do município, Ricardo Junqueira, parece ter se cansado das estripulias do ex-fogueteiro e resolveu ir ao contra-ataque. Nesta quinta-feira, Junqueira publicou em sua página no Facebook uma mensagem cifrada, onde dizia, entre outras coisas que “chega de pessoas atrapalharem a vida dos servidores públicos. .. chega de pessoas rezarem a cartilha do quanto pior melhor!!!”.

Além da mensagem, Junqueira publicou também uma foto em que ele aparecia na frente do Instituto Municipal de Previdência, segurando algumas folhas de papel. A mensagem e a foto deixaram os amigos do servidor intrigados.

Mais tarde, nova explicação no Facebook. Ei-la:

ricardo junqueira1Galera é o seguinte tem um cidadão que há anos vive fazendo denúncias. .. a maioria ou quase todas são arquivadas, no entanto graças a esse cidadão os servidores públicos da prefeitura tem sido prejudicados,  tem tido seus direitos cerceados, graças a este cidadão a cidade tem enfrentado vários problemas e o mais engraçado é que ninguém nunca questionou esse cidadão!

A sociedade em geral não suporta mais esse cidadão.
E o que mais me deixa indignado é que o cidadão é aposentado por invalidez.

Trabalhar não pode! Mas dirigir seu veículo pode, tem vigor físico e mental para fazer denúncias protocolar documentos e outras coisas mais. Então nada mais justo do que rever a aposentadoria e readaptar o cidadão para que possa trabalhar. Isto é fazer a inclusão social do cidadão como medida de legítima justiça! !!

Ele não gosta de prestar serviços então volte a trabalhar e produza, saindo da mordomia da aposentadoria por invalidez!!!

A este blogueiro, Junqueira disse que protocolou junto ao Instituto de Previdência Municipal, um ofício solicitando providências quanto à aposentadoria por invalidez de Matogrosso. Segundo Ricardo, nos últimos dias o ex-fogueteiro teria feito novas denúncias contra servidores e ex-servidores. E também contra secretários da administração Callado.

Depois de algumas tentativas, consegui falar com Matogrosso há poucos minutos. Ele desmentiu que tenha feito denúncias contra servidores ou secretários e ressaltou que não tem nenhum receio com relação às providências solicitadas por Junqueira junto ao Instituto de Previdência. A briga promete!

“SANGUE” EM FOTO DE POLICIAL ENVOLVIDO NOS PROTESTOS DO PARANÁ ERA TINTA

A notícia é da BBC:

policial ensanguentadoCom a legenda “Professor, conta outra…”, o PM de Curitiba Umberto Scandelari publicou uma foto com braços, mãos e rosto manchados por um líquido avermelhado, logo após o protesto desta quarta-feira. 

Amigos imediatamente deixaram comentários preocupados na foto. “Mano, você tá bem?”, “Melhoras, parceiro”, “Melhoras e se cuida” – a imagem viralizou e foi compartilhada mais de 5 mil vezes em menos de 24 horas.

Entretanto, à BBC Brasil, a Polícia Militar do Paraná confirmou as suspeitas de centenas de internautas: o oficial não está coberto de sangue, mas de tinta. 

“Este é o produto de uma bomba usada como munição menos letal. É usada para marcar pessoas que estão envolvidas nos protestos”, informou a PM.

“Nestes confrontos o uso é normal e aconteceu de marcar também o policial porque manifestantes e policiais estavam muito próximos”, disse a corporação.

A legenda da foto, entretanto, sugeria que as manchas no corpo do policial fossem fruto da ação de manifestantes.

A PM contemporiza: “A legenda sugere que ele não foi atacado por professores com esta tinta. Ela sugere que o confronto foi iniciado pelos próprios professores e não pelos policiais, como vem sendo comentado pelas redes sociais”.

BLOGUEIRA FAMOSA REVELA QUE TEM DUAS VAGINAS

A notícia é do site do jornal carioca Extra:

blogueira-Cassandra-Bankson-01A blogueira americana Cassandra Bankson, de 22 anos, revelou que tem duas vaginas. A jovem, que ficou conhecida na internet por sua batalha contra a acne e tutoriais de maquiagem que ajudam a disfarçar as espinhas, agora tem outro desafio. Segundo uma reportagem do “Daily Mirror”, ela descobriu a anomalia durante um exame de rotina após sentir muitas dores nas costas, e ficou chocada.

“Quando pegamos o resultados dos testes, o médico disse que eu só tinha um rim e tinha duas vaginas”, explicou Cassandra ao jornal. Segundo ela, há apenas uma abertura vaginal, mas internamente é como se houvesse duas vaginas, com dois úteros, dois cervixes e duas trompas de Falópio. “A maioria das vaginas é uma grande cavidade, mas esta tem uma separação completa em duas cavidades diferentes”, contou a blogueira.

Ela relatou também que tem fortes cólicas, e nunca sabe se a menstruação dura uma semana ou três. Agora, a jovem quer saber mais sobre a anomalia, e tentar descobrir se isso é a causa de tantas espinhas.

A ginecologista Dena Harris contou que muitas mulheres só descobrem essa anomalia durante a gravidez, e é provável que isso não atrapalhe Cassandra sexualmente. “Até onde eu sei, para algumas pessoas pode ser muito doloroso e outras falaram que é mais prazeroso porque há mais terminações nervosas. Eu, definitivamente, fico nervosa ao pensar sobre como vou contar isso para os meus futuros parceiros sexuais. Isso não é algo pelo qual eu esteja ansiosa. É uma grande coisa, e não tenho a menor ideia como isso vai afetar minha vida”, disse a jovem ao “Mirror”.

Cassandra vive em São Francisco, na Califórnia, nos Estados Unidos, mas viaja pelo mundo para sua carreira de modelo. Em sua página no Facebook e no Youtube, o Diamonds And Heels, ela dá conselhos para superar o bullying e dá conselhos sobre como cuidar da pele. Já são mais de 26 milhões de visualizações de vídeos.

1 2 3 513