Arquivos do autor: cardosinho

EDINHO ARAÚJO DESTINA VERBA DE R$ 500 MIL PARA A SANTA CASA DE JALES

Um dia desses, publicamos, com base em levantamento da Folha de São Paulo, um post sobre as emendas parlamentares destinadas a Jales pelos deputados estaduais. O que pudemos perceber é que – segundo o levantamento da FSP – Jales não foi muito lembrada pelos deputados estaduais, alguns deles muito bem votados em nossa cidade.

Por isso mesmo, sempre é bom destacarmos aqueles que se lembram de Jales. É o caso do ex-prefeito de Rio Preto, Edinho Araújo, que agora é deputado federal. Vejam a notícia da assessoria de imprensa da Santa Casa: 

O deputado federal Edinho Araújo (PMDB) acaba de destinar emenda parlamentar com recursos financeiros no valor de R$ 500 mil para a Santa Casa de Jales. A assessoria do deputado entrou em contato com o hospital no dia 22, terça-feira, para comunicar a destinação e o valor da emenda.

Segundo a assessoria do provedor José Devanir Rodrigues, o Garça, a previsão é de que o repasse seja liberado para 2012. “Fiz alguns contatos com o Edinho e aguardava uma colaboração para o hospital, mas o valor de R$ 500 mil me surpreendeu. Em nome da Santa Casa agradeço ao deputado que é mais um parceiro nessa causa”, contou o provedor.

A destinação do repasse ainda será definida pela assessoria técnica do deputado que poderá ser para equipamentos ou reforma/construção.   (Vívian Curitiba)       

FEIRANTES DE JALES RECEBERÃO VERBA DO DEPUTADO CARLÃO PARA REFORMA DO ‘COMBOIO’

A notícia é da assessoria de imprensa da Câmara de Jales:

Atendendo solicitação do vereador Riva Rodrigues (PMDB), o deputado estadual Carlão Pignatari (PSDB) apresentou emenda parlamentar destinando recursos à Associação dos Feirantes de Jales e Região no valor de R$ 100 mil, objetivando a reforma da estrutura metálica, troca de calhas, melhoria na iluminação e pintura do Comboio. 

Os recursos que serão liberados vêm coroar o trabalho parlamentar do vereador Riva Rodrigues, que em julho deste ano, juntamente com o Senhor José Carlos Albaneze (presidente da associação dos feirantes à época) e o presidente da Câmara Claudir Aranda (PDT), estiveram no escritório político do deputado na cidade de Votuporanga, reivindicando recursos para a revitalização do Comboio. 

Na oportunidade, Riva, justificou em ofício, a necessidade de investimentos na infraestrutura daquele local que é referência regional no comércio de produtos da agricultura familiar. Ele afirmou que o Comboio é um importante posto de venda de produtos hortifrutigranjeiros direto dos produtores aos consumidores finais. 

Segundo o vereador Riva, caberá à Associação dos Feirantes, em parceria com a Prefeitura Municipal de Jales, promover as reformas e adequações que se fizerem necessárias para melhorar as condições de atendimento aos consumidores que frequentam o comboio. 

Riva também reafirmou o compromisso do deputado Carlão Pignatari: “O deputado Carlão continuará retribuindo sua gratidão ao povo que confiou a ele o voto na última eleição com trabalho e liberação de recursos para Jales”, concluiu o vereador.

ACE JÁ ESTÁ ENFEITADA PARA O NATAL

A sede da Associação Comercial e Empresarial de Jales, no alto da Vila Maria, já está toda enfeitada para o Natal, conforme se pode ver na foto. Um dos enfeites utilizados na ACE – a árvore com a base vermelha, bem na entrada – é um exemplar do que será colocado na Avenida Francisco Jalles.

Quem passou pela Francisco Jalles, nesta semana, deve ter percebido alguns blocos de concreto no canteiro central. Eles serão revestidos com a “saia” vermelha e servirão de base às árvores totalmente confeccionadas com garrafas pet, que enfeitarão a avenida.  

MÁQUINA COMPRADA NO GOVERNO PARINI, POR R$ 87 MIL, VIRA SUCATA

 

Um dia desses, escrevi por aqui que o prefeito Humberto Parini, em sete anos de mandato, não tinha comprado uma única máquina para a sucateada frota da Secretaria Municipal de Obras. Foi uma tremenda injustiça a que cometi com o nosso premiado estadista, da qual gostaria de me penitenciar agora.

Na verdade, o prefeito comprou, sim, uma máquina para o setor de obras e eu jamais deveria ter me esquecido disso, pois participei da solitária aquisição. É essa máquina que aparece na foto acima, uma Vibro Acabadora de Asfalto. Deu-se em 2007 o fato inédito. Convencido por um simpático japonês, representante da empresa Conishi Máquinas e Equipamentos Rodoviários Ltda, Parini resolveu adquirir a tal Vibro Acabadora, pelo módico preço de R$ 87 mil, em dez suaves parcelas.

Segundo fontes, a máquina teria sido utilizada apenas três ou quatro vezes e, depois de menos de um ano de uso, foi aposentada precocemente. Pelo que entendi, para funcionar, a máquina precisava ser acoplada a um caminhão e, toda vez que isso acontecia, o caminhão quebrava.

Resumo da ópera: consta que ela está parada aí nesse local da foto, no recinto de exposições “Juvenal Giraldelli”, há mais de três anos, exposta ao sol, à chuva e à ação dos amigos do alheio. Que, por sinal, já teriam levado a bateria da engenhoca.   

 

NO PAÍS DAS PRIMEIRAS-DAMAS: MULHER DO PREFEITO DE LIMEIRA É PRESA

A notícia está em vários órgãos de imprensa. Abaixo, o que foi publicado, há algumas horas, pelo portal do jornal O Globo:

Onze pessoas foram presas nesta quinta-feira e levadas à Delegacia Seccional de Limeira, na região de Campinas, acusadas de crimes de lavagem de dinheiro, falsidade ideológica e sonegação fiscal. Entre os detidos está Constância Berbet Dutra Silva, mulher de Sílvio Félix (PDT) – prefeito de Limeira –, além de parentes (dois filhos e duas irmãs da primeira-dama) e funcionários deles. 

O delegado José Henrique Ventura, de Limeira, informou que foram expedidos 15 mandados de busca e apreensão e 12 de prisão temporária. Dois filhos do prefeito também foram detidos. Por volta das 12h30, os acusados prestavam depoimento. Foram apreendidos computadores, documentos e fotos. Além disso, policiais civis e militares ainda buscam mais um dos envolvidos no esquema. 

Os promotores de Justiça do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), responsáveis pelas investigações, irão detalhar o caso em entrevista coletiva às 14h30. O prefeito, Sílvio Félix, segundo a assessoria dele, ainda não compareceu ao gabinete e comentará a prisão às 16h. A Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo não divulgou os nomes dos envolvidos nem os detalhes do trabalho que levou os acusados à prisão.

BOQUINHA DE PARENTES DE ANALICE FERNANDES NO GOVERNO ALCKMIN CAUSA BRIGA ENTRE TUCANOS

Não sou eu quem estou falando. Um amigo do blog do Cardosinho me chamou a atenção para a novidade publicada, hoje, no blog Amigos do Presidente Lula,  alimentado pela Helena Sthephanowitz. Com certeza, a combativa Helena não imagina que a tucana Analice Fernandes – a deputada paulista que mais gasta com viagens – é a queridinha do prefeito petista de uma pequena cidade do interior paulista. Vamos à notícia:

A indicação de parentes da deputada estadual Analice Fernandes (PSDB) para ocupar cargos em órgãos públicos teria sido o estopim de discussão entre o líder do governo, Samuel Moreira (PSDB), e o líder da bancada tucana, Orlando Morando, há alguns dias na Assembleia Legislativa, segundo integrantes da Casa que narraram o episódio.

A deputada tem o filho, Fernando Fernandes Neto, lotado na Artesp, agência de transportes do governo de São Paulo, enquanto o marido e ex-prefeito de Taboão da Serra, Fernando Fernandes Filho, ocupa um cargo na Secretaria de Transportes, também na gestão Geraldo Alckmin (PSDB).

Segundo parlamentares, Morando teria tomado conhecimento da indicação do filho de Analice à Artesp em reunião da Comissão de Transportes da Assembleia, e teria cobrado satisfações de Moreira, apontado por tucanos como articulador da operação para assegurar a vaga.

O desentendimento ocorreu dia 9, quando o projeto que transformaria o Hospital de Clínicas (HC) em autarquia (Privatizado) estava em pauta. Nesse dia, um grupo de tucanos, inclusive alguns que estavam na comissão de Transportes, não participou da votação – que foi adiada por falta de quórum. “O clima entre eles esquentou e só não chegaram ‘as vias de fato’ porque Moreira não rebateu as acusações”, disse parlamentar que presenciou a cena. 

MAIS UM POSTO DE COMBUSTÍVEL PARALISA ATIVIDADES EM JALES

Quem passou pela Rua Nova Iorque, hoje, estranhou o fato de o Posto Ipiranga (ex-Texaco) estar fechado. Os funcionários ainda estão por lá, mas as bombas de combustível estão cercadas por uma fita amarela.

O Posto sofreu uma espécie de “interdição branca”, uma vez que a Ipiranga – a dona do prédio – mantém uma briga judicial com a empresa que detém os direitos do ponto comercial, a Couto & Burgese Comércio de Combustíveis Ltda, e, por conta disso, suspendeu o fornecimento do combustível.

Segundo o senhor Ênio Burgese, um dos proprietários do Posto, a Ipiranga – que entrou com Ação de Despejo contra a empresa jalesense – parou de fornecer o combustível e não permite que o Posto recorra a uma outra fornecedora. Para piorar a situação, a Prefeitura de Jales não renovou o alvará de funcionamento do Posto, em face de irregularidades constatadas pela CETESB. 

A CETESB está cobrando a descontaminação do solo, conforme exigência da legislação ambiental. Ainda segundo o seo Ênio, a Texaco – antiga proprietária do prédio – chegou a iniciar os trabalhos de descontaminação, mas eles foram interrompidos assim que os postos da rede foram vendidos e passaram a usar a bandeira da rede Ipiranga.

O prefeito Humberto Parini teria dado prazo até o dia 09 de dezembro para que a pendenga ambiental seja regularizada, o que é impossível. Mas, mesmo se o prefeito renovasse o alvará municipal, a situação do Posto continuaria indefinida, uma vez que a briga com a Ipiranga, ao que parece, ainda vai longe.    

CONFIRMADA QUARTA MORTE POR LEISHMANIOSE EM JALES

Apesar de a certidão de óbito ter registrado morte por causa desconhecida, os exames realizados em laboratórios especializados – cujos resultados foram divulgados nesta semana – confirmaram que o meu saudoso amigo Belcior Carlos de Lima, o Carioca, que faleceu no dia 12 de outubro passado, foi mais uma vítima da leishmaniose.

Com isso, chega a 17 os casos de leishmaniose em humanos, em Jales, com 04 óbitos. Diante da confirmação, a vigilância sanitária deverá realizar, nos próximos dias, um procedimento chamado de “manejo ambiental”, que consiste em uma operação pente-fino nos quintais de todas as residências num raio de 300 metros do local onde morava o Carioca, no Jardim Aeroporto.

Além disso, a equipe da vigilância deverá coletar amostras do sangue de todos os cães daquela região da cidade, para exames. Enquanto isso, o Centro de Zoonoses de Jales continua sem os equipamentos necessários para a implantação de um programa de castração de cães, visando o controle da população canina.

Pelo jeito, o prefeito Humberto Parini considera que é muito mais fácil aplicar injeções de cloreto de potássio para diminuir a população canina. Curiosamente, o médico Adelson Mariano de Brito, da equipe de vigilância da Secretaria Municipal de Saúde, considera que a matança de cães é inútil para impedir a disseminação da leishmaniose. Bem que ele podia tentar convencer o prefeito disso.    

POSTO ESPACIAL INICIA REFORMA PARA ATENDER DECISÃO DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA

O portal de notícias Mais Interativa está publicando, nesta quarta-feira, matéria sobre a interdição do Auto Posto Espacial, para obras de adequação. Segundo a notícia, todos os serviços do Posto foram paralisados.  Não há informações se os proprietários da empresa – ou até mesmo o ex-proprietário, Ricardo Tânios – pretendem recorrer à Justiça para serem ressarcidos dos prejuízos, uma vez que a construção do prédio em desacordo com o Código Municipal de Posturas foi autorizada pela Prefeitura. A notícia do portal Mais Interativa pode ser vista aqui

JUSTIÇA OFICIA OAB PARA NOMEAR ADVOGADO PARA EMPRESA QUE FEZ CONCURSOS EM URÂNIA E JALES

Há alguns dias, escrevemos sobre a possibilidade de o concurso realizado em 2004, na gestão do ex-prefeito Hilário Pupim, ser anulado pela Justiça. O concurso foi realizado pela Constef Ltda, uma empresa de fundo de quintal, de Bilac. Mas, pelo que parece, não foi apenas em Jales que a Constef aprontou suas lambanças.

O portal Ethos on Line está noticiando que a Justiça de Urânia oficiou a OAB para nomear um novo advogado para ser o curador especial da Constef Consultoria e Assessoria Ltda. A determinação é decorrente de uma Ação Civil Pública proposta pelo Ministério Público e julgada procedente, em 2007, pela Justiça.

Além da Constef Ltda, a condenação da justiça inclui os ex-prefeitos de Urânia, Augusto Vitorelli Garcia e Joaquim Pires da Silva, e também o dono da empresa, Wellington Menani da Silva, tudo por conta de irregularidades em contratos com a Prefeitura da nossa vizinha.

Voltando ao caso de Jales, à época das lambanças protagonizadas pela Constef no concurso realizado por Hilário, comentava-se que o dono da empresa seria genro do então prefeito de Urânia, professor Joaquim.  Na  ocasião, alguns jalesenses foram até Bilac, para conhecer e fotografar a sede da empresa. E descobriram que a sede era uma casa de Cohab, em um bairro de Bilac.

1 1.054 1.055 1.056 1.057 1.058 1.233