PR DESTITUI DIRETÓRIOS NA REGIÃO

DEU NA  FOLHA NOROESTE, EDIÇAO DESTE SÁBADO:

O Partido da RepúblicaPR, anunciou a destituição de 12 diretórios na nossa região, considerados infiéis pela direção estadual do partido, conforme matéria publicada pelo jornal Folha Noroeste, de hoje. Segundo o presidente estadual do PR, José Tadeu Candelária, nesses municípios, o resultado das eleições 2010 foi considerado desprezível, demonstrando que tanto os mandatários, quanto os dirigentes partidários, nessas localidades, não tiveram nenhum compromisso com o Partido. Para Candelária, o fato de o PR ter diretórios nessas cidades, não acrescentou nada para a legenda.

No Estado inteiro, o PR destituiu 58 diretórios em cidades onde o Partido possuía 08 prefeitos, 04 vice-prefeitos e 77 vereadores. Na nossa região, o PR elegeu apenas 02 prefeitos: José César Montanari, de Palmeira D’Oeste, e Gabriel dos Santos Fernandes Molina, de Santa Clara D’Oeste. Ambas as cidades fazem parte da lista de municípios que tiveram os diretórios destituídos.

Para quem não se lembra, o PR é o partido do deputado federal mais votado do Brasil, o palhaço Tiririca. Outra figura conhecida do partido, é o deputado Valdemar Costa Neto, que, nas eleições do ano passado, recebeu o apoio do prefeito de Jales, Humberto Parini, do PT. Parini destinou a alguns de seus principais assessores a missão de pedir votos para Valdemar Costa Neto, mas o resultado não foi dos mais satisfatórios. Apenas 186 eleitores jalesenses se dispuseram a votar no candidato do prefeito.

Se a régua do PR fosse utilizada para medir o PT de Jales, a coisa poderia se complicar. Afinal, mesmo tendo o prefeito e mais três vereadores, os candidatos petistas a deputado federal e estadual saíram das urnas jalesenses com uma votação, digamos assim, quase desprezível.

BARATA EM MOTEL ATRAPALHA CASAL

DEU NO BLOG DO RENATO CÉSAR PEREIRA

Barata em motel causa tumulto em Piracicaba

Casal quebrou um espelho que decorava o quarto na tentativa de matar o inseto que atrapalhou a noitada

 Thaís Nucci – RAC

 Uma confusão por causa de uma barata levou um casal a perder o sono e, pior ainda, atrapalhou o rala e rola dentro de um quarto de motel, em Piracicaba. O caso que terminou na delegacia aconteceu, nesta terça-feira (11/01) à noite, num estabelecimento localizado na Rua Frei Onório, no bairro Dois Córregos.

Segundo a polícia, uma funcionária pública de 28 anos e um homem de 41, que são moradores de Capivari, entraram no motel por volta das 21h, e ficaram lá por um tempo quando, de repente, uma barata intrusa surgiu dentro do cômodo. Os dois se assustaram e causaram uma grande confusão no local. Chegaram até mesmo a quebrar um espelho, que decorava o quarto, na tentativa de matar o inseto que atrapalhou a noitada do casal.

Revoltados, a funcionária pública e o homem foram até a gerência do motel pedir de volta a grana da estadia, que tinham deixado acertada logo que entraram no local. A gerente se negou a devolver o dinheiro e o caso foi parar no plantão policial, onde o delegado fez apenas um BO não-criminal.

MAIS ADERJ

Acabo de receber a edição desta semana do jornal Folha Regional. Uma gentileza do Cuca, certamente, porque minha assinatura venceu há alguns dias e eu ainda não cuidei de renová-la, o que prometo fazer na semana que entra. Sempre que recebo a Folha Regional, corro ao segundo caderno para ver quem é a Garota da Semana. O Douglas Zilio tem demonstrado tremendo bom gosto na escolha das garotas. Até parece que ele aprecia! E o fotógrafo, Marcos Oliveira, a quem não conheço, me parece um excelente profissional. A garota desta semana, prá você que ainda não viu o jornal, se chama Luciana Récio da Silva, muito bonita, por sinal. Mais bonita que a moça da foto, que eu não conheço e só coloquei aí do lado prá ilustrar o post.

Depois de ver a Garota da Semana, eu sempre vou ao caderno das publicações oficiais. O jornal Folha Regional é quem publica os atos oficiais da Prefeitura de Jales e de mais uma porção de prefeituras da região. De modo, que é sempre bom tê-lo guardado.

Nesta edição, estou vendo que a Prefeitura prorrogou mais meia dúzia de Termos de Parceria firmados com a ADERJ. Num post anterior, vocês viram que já havia sido prorrogado o maior deles, aquele que terceiriza a administração e operacionalização dos PSFs. Agora, vejo que foram prorrogados também os termos de parceria referentes ao CEO-Centro de Especialidades Odontológicas (R$ 483 mil); ao NASF-Núcleo de Apoio à Saude da Família (R$ 356 mil); ao PAM-Plano de Ações e Metas da Aids (R$ 36 mil); ao PAIF-Programa de Atenção Integral à Família (R$ 242 mil); ao PROJOVEM (R$ 50 mil) e, finalmente, ao CREAS-Centro de Referência de Especialidades da Assistência Social (R$ 134 mil).  Pelas minhas contas, ainda falta prorrogar os termos de parceria da Dengue e do Lixo Reciclável.

Voltemos à Garota da Semana, que é um assunto muito mais palpitante: o Douglas e o Marcos bem que podiam republicar as fotos da Janete, que trabalha numa farmácia ali da Rua Dez. Ela ficou muito bem naquelas poses sensuais.

DENGUE EM JALES: CASOS SE MULTIPLICARAM EM 2010

Os casos de dengue em Jales tiveram um substancial aumento em 2010, comparativamente com 2009, quando a cidade havia registrado apenas 31 casos confirmados. Relatório da Equipe Municipal de Combate à Dengue indica que, em 2010, tivemos 310 casos confirmados de dengue em Jales. No entanto, a responsável pela divulgação das atividades de combate ao mosquito Aedes Aegypt, Vanessa Luzia da Silva, confirmou que os números de 2010 registram, na verdade, 349 casos de dengue no município. Esses números representam uma elevação de 1.125% em relação aos 31 casos registrados em 2009.

Visto assim, o resultado de 2010 parece ter sido dos piores. Mas, uma simples comparação com os números de outras cidades vizinhas, demonstram que, em Jales, o trabalho de combate ao mosquito que transmite a dengue, pode ser considerado eficiente. Na opinião do vice-prefeito Clóvis Viola, presidente do Comitê de Combate à Dengue, o resultado, diante das circunstâncias, foi muito bom, mas poderia ter sido melhor, se houvesse mais colaboração por parte da população. Abaixo, os números da dengue na região, em 2010:

Catanduva            813
Cosmorama            349
Fernandópolis         1.166
Jales            349
Mirassol         1.119
Santa Fé do Sul            427
São José do Rio Preto      25.013
Votuporanga            911

 À pertinente opinião do Clóvis Viola, sobre a imprescindível colaboração da população, acrescento a minha: a Equipe de Combate à Dengue, comandada pelo vice-prefeito, está fazendo um bom trabalho, mas, além da colaboração da população, é importante também que a administração municipal faça a sua parte. Não basta que o prefeito Humberto Parini encha as ruas de agentes de saúde. É preciso que ele coloque também fiscais nas ruas e faça valer a lei 3.719/10, que obriga os donos de imóveis a manter limpos e conservados os respectivos terrenos. Ou então, prá que ficar criando leis?

A charge acima é do Newton Silva, do Jangadeiro On Line. E aqui você poderá ler artigo da profissional de I.E.C, Vanessa Luzia da Silva, a respeito da dengue em Jales, publicado no jornal Folha Noroeste, edição de 26/06/2010.

Em Tempo: nestes primeiros 15 dias de janeiro/2011, já foram feitas cinco notificações de casos suspeitos. Uma delas deu resultado negativo, enquanto as demais aguardam o resultado.

CASAL É CONDENADO POR FAZER SEXO EM CEMITÉRIO

Há quem diga que o cemitério de Jales já foi bastante movimentado, mas, pelo menos por enquanto, não precisamos ficar preocupados com a tranquilidade dos entes queridos que descansam em nosso campo santo.  O caso de agora aconteceu bem longe daqui. A notícia é do G1.

Um casal foi condenado por fazer sexo, em abril do ano passado, em um cemitério de uma igreja em Reigate, no Reino Unido. A Justiça vai divulgar em 11 de fevereiro a sentença de Andrew Donaldson, de 41 anos, e Karen Waters, de 42, segundo o jornal “Oxford Times“.

Donaldson e Waters foram flagrados durante o ato sexual entre as lápides de uma igreja que fica próxima a uma escola. O casal alegou que estava pegando sol e tinha trocado um beijo e um abraço. No entanto uma testemunha disse à Justiça que viu os dois realizando movimentos sexuais.

Veja aqui, a piada animada do Humortadela, sobre sexo no cemitério.

CÂMARA GASTA R$ 1,7 MILHÃO COM TROCA DE CARPETES E TELÕES

Notícia extraída da Folha de São Paulo, edição deste sábado.

Ao chegar para o trabalho na Câmara, os deputados federais vão encontrar novos carpetes e monitores de votação. O Salão Verde, local que fica na frente do plenário onde os deputados se reúnem, também estará de cara nova.

A partir de hoje, todo o seu carpete será substituído. O atual, segundo a assessoria de imprensa, tem 12 anos e está muito desgastado, por estar localizado em um local de grande circulação. O custo estimado para a mudança é de R$ 200 mil.

Dentro do plenário, uma das mudanças será a troca dos telões que registram presenças e orientações para votações. O sistema antigo será substituído por 25 monitores de LCD de cada lado. A justificativa é que a manutenção estava cara e difícil e que a troca resultará em economia de energia. O valor da reforma é de R$ 1,5 milhão, incluindo manutenção e instalação.

A matéria da Folha de São Paulo, na íntegra, pode ser lida aqui.

BURACO SEM SOLUÇÃO

O buraco da foto aí do lado fica aqui pertinho da casa onde moro, bem na confluência da Rua Iugoslávia com a Rua Itália. Um dia desses, uma vizinha ligou aqui em casa, pedindo providências à vereadora Tatinha contra o pobre buraco. Na avaliação da moça, ele já estaria oferecendo perigo aos motoristas de carros e, principalmente, aos motociclistas. Achei até uma falta de consideração com o buraco, que é antigo, quase um buraco de estimação. O vizinho da frente, pelo que vejo, até já se afeiçoou a ele. Todas as tardes, ele pega o filhinho de 5 anos e, juntos, passam alguns minutos admirando o local e, provavelmente, conferindo a evolução do tal buraco.

Nem foi preciso, no entanto, a vereadora Tatinha pedir alguma providência. Aliás, prá dizer a verdade, a vereadora não está com essa bola toda lá no Paço, e um pedido dela, certamente, nem seria atendido. Por coincidência, horas depois do telefonema da vizinha, alguma boa alma já havia providenciado uma placa – como se pode ver na foto aí embaixo – para servir de alerta aos motoristas mais desatentos. O que não garante que não vá haver nenhum acidente: há uns dois ou três anos, não me lembro bem, a vizinhança teve que acionar o SAMU 192, depois que um motociclista distraído atropelou a placa que fora colocada ali. Era uma placa menorzinha, é verdade, mas, prá compensar, era uma placa mais reluzente, recém-pintada. Até mais charmosa, eu diria.    

Bem, mas o que eu quero dizer mesmo é que nem sempre a culpa por esse tipo de problema deve ser atribuída ao prefeito da vez. Posso garantir que, no caso desse buraco teimoso, a Prefeitura – nessa e em outras administrações – bem que tentou resolver o problema com soluções paliativas, mas, bastam umas duas ou três chuvas mais fortes e lá está ele de volta. Isso acontece porque, segundo me explicaram, bem ali embaixo do buraco passa uma tubulação já muito velha e mal acabada.

Na atual administração, sou testemunha disso, o ex-secretário Miranda e seu ex-braço direito, o França,  já dedicaram horas à tentativa de desaparecer com esse bendito buraco. Tudo em vão! Todo ano ele ressurge imponente e, aparentemente, cada vez mais revigorado. Claro que uma solução definitiva poderia ser encontrada, mas isso exigiria vontade política, estudos e investimentos. E, convenhamos, aí também já seria exigir demais.

PREFEITURA DE FERNANDÓPOLIS PAGA 14º SALÁRIO A APOSENTADOS

O prefeito de Fernandópolis, Luiz Villar(DEM), fez o pagamento do décimo-quarto salário para 31 aposentados do IPREM – Instituto de Previdência Municipal, que estão fazendo aniversário em janeiro. Cada aposentado recebeu um cheque no valor de um salário mínimo, R$ 510,00.

Em Fernandópolis, o pagamento do décimo-quarto salário aos funcionários públicos municipais aposentados foi instituído através do projeto-de-lei n. 3617/2010, e vai beneficiar cerca de 300 aposentados, no mês de aniversário, com o pagamento de um salário mínimo

Entre os aposentados que receberam seus cheques na quinta-feira (13), havia um aniversariante do dia. Alcides Jacinto da Silva (foto acima), que trabalhou no Almoxarifado da Prefeitura, estava completando 74 anos. A notícia completa está na página oficial da Prefeitura de Fernandópolis.

1 1.529 1.530 1.531 1.532 1.533 1.538