MÉDICO CUBANO É HOMENAGEADO NO RIO GRANDE DO NORTE

médico cubano

O médico Rafael Henrique chegou ao município de Jardim do Seridó(RN) em dezembro de 2013. A notícia é do blog A Fonte:

Após a sessão ordinária desta terça-feira (23), o presidente da Câmara Municipal de Jardim do Seridó, José Justino convocou os vereadores a participar da 2ª Sessão Solene de 2015, para atribuição de Título de Cidadania Jardinense ao médico cubano, Rafael Henrique Villa Lobos Escalona, uma proposição da vereadora, Geralda Medeiros. Na oportunidade, foi lido o Decreto Legislativo nº 001/2015, considerando a aquiescência unânime dos edis ao requerimento da autora. 

Ao fazer o seu discurso, Dr. Rafael Henrique agradeceu a honraria e disse que era com muito orgulho que recebia aquele título, no qual ficará guardado para sempre em seu coração. “Quando decidi aceitar o desafio de vir para o Brasil sabia das dificuldades que seriam enfrentadas, por se tratar de uma medicina diferente, mas o maior obstáculo foi com o idioma, superado com o passar do tempo”, declarou. Dr. Rafael também falou do acolhimento recebido. “Uma das coisas que me deixa feliz é escutar na rua as pessoas dizendo, ele é o médico cubano”, finalizou.

O vereador Iron Júnior falou que Dr. Rafael Henrique é um médico dedicado e isso era o mínimo que a Câmara Municipal poderia fazer e ainda propôs que agora ele receba também a Comenda Antônio de Azevedo Maia. Zeca Melo disse ele que conquistou a população com sua simplicidade. Geralda Medeiros agradeceu o trabalho preventivo por ele desenvolvido. Ozires Neto declarou que Jardim do Seridó ganhou mais um anjo. Gilberto Brito acrescentou dizendo que além de ser um médico simpático houve uma sintonia muito grande entre ele e a população. 

Zé da Noite parabenizou a vereadora Geralda pela iniciativa brilhante. O Parlamentar também teceu diversos elogios ao profissional. “Dr. Rafael vem de um país distante, cultura, costumes e forma de governo diferente. Jardim do Seridó agradece o seu trabalho”, expôs. Anchieta Júnior disse que torce que o mesmo continue por vários anos no município. Joaci Costa falou que acompanha o seu trabalho e trata-se de um médico exemplar. O presidente da Casa, José Justino destacou o lado humano, bondoso, generoso e que ele está sempre à disposição para atender a população.

ELEKTRO REBATE VERSÃO DA PREFEITURA SOBRE ILUMINAÇÃO PÚBLICA

Como os prezados leitores já sabem, o caso da iluminação pública em Jales virou uma novela. A Elektro diz que a responsabilidade pela manutenção da iluminação é da Prefeitura. E a Prefeitura, munida de uma liminar, diz que as reclamações e solicitações de serviços devem ser dirigidas à Elektro.  

No domingo passado, o jornal A Tribuna, depois de receber nota da Elektro e ouvir a Prefeitura, veiculou matéria onde destacava a versão de que a empresa não estava cumprindo decisão da Justiça porque a liminar obtida pelo município não estabelecia multas.  

Pois bem, ontem, quarta-feira, recebemos uma ligação do Fábio Costa, da assessoria de imprensa da Elektro. E ele garante que não é bem assim. Segundo Fábio, a Elektro e a Prefeitura assinaram um contrato, em fevereiro deste ano, onde o município assumia a responsabilidade pela manutenção da iluminação pública a partir do dia 01 de maio. E, ainda de acordo com Fábio, esse contrato continua em vigor e não foi suspenso pela liminar.

Os detalhes sobre o contrato e sobre a versão da Elektro vão estar no jornal A Tribuna, no próximo domingo. 

MORADOR DE TANABI COLOCA UM RIM À VENDA

Vejam a notícia do blog do Fernando Julião:

Certa vez eu brinquei com umas pessoas e disse que Tanabi tinha muito louco por causa da água, e a cada dia que passa tenho mais certeza desta tese. Agora de madrugada, um morador de Tanabi, que não vamos identificar anunciou em sua página no Facebook que estava vendendo um dos seus rins e ainda pede que todos compartilhem “oportunidade inédita e negócio de ocasião. Vendo meu rim, em ótimo estado de saúde, exames realizados há 1 mês e transplante imediato”, é fornecido o número de telefone e whatsapp.

O Blog entrou em contato com a pessoa para saber se era alguma brincadeira ou uma campanha de conscientização. Do outro lado, atendeu um rapaz que disse ser verdade e que precisava de dinheiro. A reportagem explicou que as leis brasileiras proíbem a venda de órgãos humanos, mesmo que seja o seu e a pessoa respondeu que “no mercado negro vale de 150 a 200 mil reais”.

Anunciamos que a ligação estava sendo gravada para evitar qualquer problema jurídico e pedimos autorização para fazer a matéria e deixamos claro que O NOME, OS DADOS E O TELEFONE SERIAM PRESERVADOS a pessoa concordou.

Tanabi, a cidade da piada pronta!

EMPRESÁRIA COBRA DÍVIDA DEIXADA POR JOGOS REGIONAIS REALIZADOS NO GOVERNO NICE

O valor até que não é dos maiores, mas mostra o descalabro que era a administração da ex-prefeita Nice Mistilides.

Segundo fontes bastante confiáveis, uma empresária local – do ramo da alimentação – estaria cobrando da nossa Prefeitura uma dívida de R$ 5 mil, relativa aos Jogos Regionais do ano passado, realizados aqui em Jales.

As fontes – próximas à empresária – dizem que ela teria sido contratada verbalmente pela  então prefeita Nice Mistilides, para servir refeições para cerca de 160 pessoas – dirigentes, prefeitos, etc – que estiveram em Jales para discutir assuntos relacionados aos Jogos Regionais.

Segundo consta, as refeições não foram pagas até hoje. E, provavelmente, não serão pagas tão cedo, pois, como se sabe, na esfera pública não existe contratação verbal. Ou não deveria existir.

NICE E MACETÃO AINDA ESTÃO TENTANDO VOLTAR. EX-PREFEITA SOFREU NOVA DERROTA NO TJ-SP, ONTEM

NICE E MACETÃOAo contrário do que muita gente acha, o ex-vereador André Macetão(PSD), que foi cassado pelos seus colegas vereadores e teve uma liminar negada pela Justiça de Jales, ainda não desistiu de retornar ao cargo.

Há duas semanas, ele ingressou com um agravo de instrumento junto ao TJ-SP, tentando reverter a decisão da Justiça local que lhe negou uma liminar que anularia sua cassação. O processo está correndo na 4ª Câmara de Direito Público.

Entre outras coisas, Macetão alega que os vereadores Gilbertão(DEM) e Tiago Abra(SD) não poderiam, por suspeição, ter participado da votação que cassou seu mandato. Segundo Macetão, os dois vereadores seriam seus inimigos, uma vez que ingressaram com uma representação criminal contra ele.

De outro lado, a ex-prefeita Nice Mistilides sofreu mais um revés no TJ-SP, ontem, 23. O desembargador Eduardo Gouvêa, da 7ª Câmara de Direito Público, indeferiu um pedido de efeito suspensivo solicitado por Nice, que permitiria à ex-prefeita voltar ao cargo imediatamente.

Apesar de mais essa derrota, Nice ainda tem pelo menos 04 apelações e 03 agravos de instrumento pendentes de julgamento pelo TJ-SP. Os recursos tramitam na 3ª Câmara, sob a relatoria do desembargador Gavião de Almeida, e na já citada 7ª Câmara.

Tudo indica, porém, que os julgamentos desses recursos não irão acontecer tão cedo.

SANTA CASA REALIZA EXPOSIÇÃO DE FOTOS NO DIA DO HOSPITAL

01-santa casa

A notícia é da assessoria de imprensa da Santa Casa:

02-santa casaEm comemoração ao Dia do Hospital, 02 de julho, o Centro Integrado de Humanização realizará uma exposição de fotos na portaria de visitas. O objetivo é homenagear as pessoas que trabalharam na Santa Casa e mostrar as mudanças e transformações nos últimos 56 anos de história.

A data foi consagrada pela fundação da Santa Casa de Misericórdia de Santos, em 1945, um dos maiores hospital do Brasil. “A exposição vem para resgatarmos a história do nosso hospital, que é referência para 16 municípios. Queremos aproximar a população jalesense apresentando as nossas mudanças e melhorias para atendimento do paciente”, relatou a coordenadora do Centro Integrado e assessora de comunicação, Caroline Guzzo.

As fotos estarão na portaria de visitas na quinta-feira, 02 de julho, das 9h às 12h e das 14h às 16h30. Os interessados poderão comparecer na Santa Casa e apreciar a exposição que apresentará a instituição desde a fundação até a atualidade.

GLOBO REFORÇA SEGURANÇA DE JÔ SOARES APÓS AMEAÇAS DE MORTE

images_cms-image-000441795

A notícia é do Jornal do Brasil:

Após ter sofrido ameaças, o apresentador Jô Soares teve sua segurança reforçada pela Rede Globo. Jô tem sido hostilizado desde que entrevistou a presidente Dilma Rousseff em seu programa de televisão. A informação é do jornal Agora São Paulo.

Na semana passada, a calçada em frente à casa do apresentador, em Higienópolis, foi pichada com a frase “Jô Soares, morra”. 

Agora, Jô é escoltado por seguranças até as gravações, no estúdio. O esquema também foi reforçado às segundas-feiras, quando o programa é gravado em estúdio. 

Apesar de tudo, Jô Soares encarou com humor a situação: “Ainda bem que não marcaram a data”, disse à Folha de S. Paulo

SINDICATO DE JALES PARTICIPA DE SEMINÁRIO SOBRE A NOVA LEI DO MOTORISTA

FOTO SIND MOT

A notícia é da assessoria de imprensa do Sindicato dos Motoristas:

Tendo como tema as inovações da Lei 13.103/2015 que regulamenta a profissão do motorista profissional, o VIII Seminário sobre relações trabalhistas no transporte rodoviário de cargas, realizado em Campinas, em 19 de junho, foi importante para o, esclarecimento de dúvidas sobre as alterações incluídas na nova lei, como afirmou o presidente do sindicato, José Roberto Duarte da Silveira, que participou do evento com outros dois diretores e quatro agentes sindicais.

Essas alterações foram tema de um de dois painéis. O outro foi sobre os novos parâmetros para as negociações coletivas de trabalho. O primeiro painel teve como expositor o juiz titular da 1ª Vara do Trabalho de Taubaté, Guilherme Guimarães Feliciano e o segundo, o desembargador Fábio Allegretti Cooper. Os dois painéis tiveram espaços para perguntas dos participantes, o que também contribuiu para que todos pudessem participar, somando conhecimentos sobre os dois temas abordados, com o afirmou José Roberto.

A abertura do seminário teve a presença do presidente da FETCESP (Federação das Empresas de Transportes de Cargas do Estado de São Paulo) Flávio Benatti, do presidente da FTTRESP (Federação dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Estado de São Paulo) Valdir de Souza Pestana e do desembargador Francisco Alberto da Motta Peixoto Giordani, diretor da Escola Judicial da 15ª Região.

O Sindicato de Jales participou do seminário com o seu presidente, José Roberto Duarte da Silveira, os diretores Adivaldo Caldeira da Silva e Jesus Mariano de Castro e os agentes sindicais Fernando Benacci Pelarin, Crisdaiane Nunes, Bruna Sabrina Cenedeze Nunes e Eduardo Bortolotti.

PREFEITA DE POTIRENDABA É VAIADA APÓS PROPOR PLEBISCITO SOBRE REALIZAÇÃO DE FESTA DE PEÃO

PREFEITA POTIRENDABA

De Tanabi, o amigo Fernando Julião me envia notícia sobre as vaias que a prefeita de Potirendaba, Gislaine Montanari Friozzi(PMDB), tomou há alguns dias, durante discurso em uma festa junina. Eis um trecho do que escreveu o Julião:

A prefeita de Potirendaba ‘surtou’ num discurso de Festa Junina na praça da cidade. Gislaine Montanari, disse no microfone que iria realizar um plebiscito para a população opinar sobre a redução de recursos para saúde, educação e com este dinheiro fazer festa.

Tudo indica, no entanto, que a prefeita, ao fazer a proposta aparentemente esdrúxula, estava apenas respondendo a algumas críticas por conta do cancelamento da festa de peão da cidade.

O anúncio sobre o cancelamento foi feito há duas semanas, pelo Clube do Rodeio de Potirendaba. De acordo com a nota, Exposhow Potirendaba foi cancelada em virtude da grave situação econômica do país, que está impedindo, temporariamente, a Prefeitura de repassar recursos para o Clube do Rodeio.

Em que pese as críticas e as vaias, a mim me parece que a prefeita tomou a decisão certa ao suspender o repasse de recursos para a festa. A notícia do Julião e o vídeo com as vaias podem ser vistos aqui

DOLCINÓPOLIS: NA TV TEM, ASSESSOR DO PREFEITO TENTA JUSTIFICAR O INJUSTIFICÁVEL

tem notícias-dolcinópolis

A repórter Priscila Mota, da TV TEM, esteve em Dolcinópolis, mas, pelo jeito, o prefeito José Luiz Inácio de Azevedo(PSDB) estava com a agenda lotada e não deu entrevista.

Coube ao procurador jurídico do município, Mizael Azevedo Batista (o Azevedo é coincidência? Ou seria um parente?), dar explicações. Ele disse que está fazendo um acordo com a Caixa Federal, mas escondeu que, segundo o MPF, a Prefeitura já tinha feito um acordo, que não foi cumprido.

Vejam aqui o vídeo com a reportagem exibida no TEM Notícias.

SERVIDORES DA PF DE JALES DOAM LEITE AO HOSPITAL DE CÂNCER DE BARRETOS

SAMSUNG CAMERA PICTURES

SAMSUNG CAMERA PICTURES

A notícia é da assessoria de imprensa da Polícia Federal:

SAMSUNG CAMERA PICTURES

SAMSUNG CAMERA PICTURES

Servidores da Delegacia de Polícia Federal em Jales/SP realizaram, na última sexta-feira (19), a entrega de mais de 400 litros de leite longa vida que foram arrecadados entre os servidores da PF de Jales, em prol da unidade local do Hospital de Câncer de Barretos. 

Na ocasião, a gerente de captação do hospital, Adriana Mariano, o jornalista Claudinei Antonio, além de outros funcionários do hospital, agradeceram a doação e convidaram os servidores da PF para conhecer as instalações da unidade hospitalar.

Todos os setores do hospital foram visitados. A qualidade dos serviços prestados, o atendimento humanizado e os tratamentos disponibilizados aos pacientes do hospital, totalmente gratuitos, deixaram os visitantes impressionados e motivados a realizar e participar de ações semelhantes no futuro. 

O Hospital de Câncer de Barretos atende a pacientes de todo o país, sem nenhum tipo de cobrança, e por esta razão, necessita de doações constantes, não só financeiras, mas também de alimentos não perecíveis que podem ser entregues nas unidades do hospital espalhadas pelo Brasil (Barretos/SP, Jales/SP, Fernandópolis/SP, Porto Velho/RO, Campo Grande/MS, Nova Andradina/MS e Juazeiro/CE). 

O objetivo da ação dos servidores da PF de Jales, além de colaborar com a instituição beneficiada, foi o de divulgar o trabalho do Hospital de Câncer de Barretos e estimular a população a colaborar, na medida do possível, para que a instituição continue a prestar com qualidade os atendimentos disponibilizados aos pacientes com câncer. Saiba como ajudar acessando o site www.hcancerbarretos.com.br.

CLAUDIR ARANDA ATACA ADMINISTRAÇÃO CALLADO

claudir aranda1O vereador Claudir Aranda(PDT) resolveu soltar o verbo ontem, na sessão da Câmara. Claudir utilizou o espaço das “explicações pessoais” para fazer pesadas críticas à administração Callado, que, segundo ele, não fez nada em cinco meses.

Para o vereador, a administração Callado tem se resumido a “muita conversa e muito cafezinho” e pouco trabalho. “Trocou o prefeito, mas continua a mesma coisa”, disse Claudir. Ele estava especialmente irritado por ter sido cobrado por um comerciante que culpou os vereadores pela multa de R$ 400,00 aplicada ao seu estabelecimento.

O comerciante é o Eduardo Doninho, da Rancharia Country, e o motivo da multa é um “cavalo” de fibra que fica exposto na frente da loja. Segundo Eduardo, a assessoria de Callado justificou a multa alegando que a denúncia teria partido de vereadores. Por isso mesmo, um dia desses, ao encontrar Claudir, o comerciante aplicou-lhe um puxão de orelhas.

Voltando ao discurso de Claudir, ele afirmou que o desapontamento com a administração Callado não é apenas dele. “Eu estou apenas repercutindo aquilo que escuto nas ruas, onde as pessoas me perguntam quando é que o prefeito vai começar a trabalhar”.

Claudir aproveitou para dizer, também, que não pretende mais ser candidato a vereador. Não esclareceu, porém, se pretende disputar outros cargos, como, por exemplo, de prefeito ou vice. Mas deixou no ar que “Jales precisa de um prefeito de coragem”.

Em tempo: Parece que o prefeito Pedro Callado já não anda tão entusiasmado com as “delícias” do cargo. Em entrevistas, ele voltou a usar, nas entrelinhas, o bordão  de que não estará no cargo depois de 31 de dezembro de 2016. Esse discurso já estaria preocupando setores do PSDB. 

REQUIÃO: É MELHOR DEFENDER OU ENTREGAR O BRASIL?

images_cms-image-000441532

A notícia é do Brasil 247:

Uma frase publicada nesta segunda-feira 22 pelo senador Roberto Requião (PMDB-PR), em seu perfil no Twitter, resume bem a inversão de valores da imprensa no tratamento de episódios que envolvam o governo e o PT, de um lado, ou lideranças da oposição, de outro.

A comparação de Requião aponta que Lula virou ‘lobista’, de acordo com os grandes jornais, por defender empresas brasileiras no exterior, a exemplo da Odebrecht, enquanto o projeto de lei do senador José Serra (PSDB-SP), que retira a obrigatoriedade de participação da Petrobras em ao menos 30% nos consórcios de exploração do pré-sal, avança.

“Criticam o Lula por trabalhar a favor de empresas brasileiras e elogiam o Serra por querer entregar nosso petróleo a empresas estrangeiras”, escreveu o parlamentar. O projeto de Serra, que desde a semana passada tramita em regime de urgência no Senado, ameaça a soberania da estatal do petróleo, criticam governistas.

Em artigo publicado sobre o tema, Requião afirma que o argumento de Serra para o projeto – de que há dúvida de que a Petrobras seja capaz de abastecer o mercado interno de petróleo em 2020 se for operadora exclusiva do pré-sal – “não se sustenta. Está francamente desatualizado”.

“O mercado interno já ficou pequeno para a Petrobras, que já tem excedente exportador. Com os investimentos já realizados e os que estão em implantação, a Petrobras estará produzindo 5,2 milhões de barris em 2020, o que tornará o Brasil um dos maiores exportadores mundiais de petróleo”, ressalta o peemedebista.

GOVERNADOR ALCKMIN CANCELA VISITA A JALES

Anunciada por dois jornais locais, no final de semana, a visita que o governador Geraldo Alckmin faria a Jales na próxima sexta-feira, 26, para inaugurar a pavimentação da marginal que leva ao Distrito Industrial III, foi cancelada.

O anúncio do cancelamento foi feito pelo prefeito Pedro Callado, em entrevista concedida nesta segunda-feira. Segundo o prefeito, o governador – que estará em Fernandópolis e São João das Duas Pontes, para inaugurações – não teria nada para inaugurar em Jales, uma vez que a pavimentação da marginal não ficaria concluída a tempo.

Por sinal, hoje, no Jornal do Povo, o repórter Tony Ramos relatou reclamação de um ouvinte que desejava alckmin no hcsaber o que estaria acontecendo com a obra, pois, segundo o reclamante, a pavimentação estaria paralisada há algum tempo.

De outro lado, a última vez que o governador Alckmin deu o ar de sua graça em Jales foi em junho de 2012, quando ele visitou o Hospital de Câncer. Naquela ocasião, Alckmin anunciou a possibilidade de uma creche para o JACB (que não virou) e descartou a criação de um hospital regional em Jales. “Isso não faz sentido. Se fizermos mais um hospital em Jales, pode fechar a Santa Casa”, disse à época.

Depois disso, o governador já esteve na região várias vezes, inclusive em cidades como Urânia, Estrela 15867886932_572c4bd4a4_bD’Oeste, Paranapuã, etc, mas não passou em Jales nem para inaugurar a duplicação da “Euclides da Cunha”. 

Em novembro do ano passado, chegou a ser anunciada a vinda dele e da primeira-dama Lú Alckmin a Jales para a caminhada  “Passos que Salvam”, mas uma indisposição estomacal de última hora impediu que o governador acompanhasse dona Lú na andança pela avenida “Francisco Jalles”.     

TRIBUNAL DE CONTAS CONDENA ADERJ A DEVOLVER R$ 275,7 MIL À PREFEITURA DE JALES

O Tribunal de Contas do Estado(TCE), que já havia condenado a Associação dos Deficientes Físicos da Região de Jales – ADERJ – a devolver R$ 566,6 mil aos cofres municipais, acaba de determinar que a entidade devolva mais R$ 275,7 mil à Prefeitura de Jales.

Os R$ 566,6 mil anteriores se referiam às prestações de contas das parcerias firmadas entre o município e a ADERJ nos anos de 2010 e 2011. O TCE entende que os valores recebidos pela entidade a título de “taxa administrativa” são irregulares.

Já esta última condenação – a dos R$ 275,5 mil – se refere à prestação de contas do termo de parceria firmado em 2009, quando a Prefeitura repassou cerca de R$ 1,7 milhão para a ADERJ cuidar do Programa Saúde da Família.

Convém ressaltar que, em nenhum dos casos, a entidade está sendo condenada por desvio de recursos públicos. O problema é a tal de “taxa administrativa”, que, de acordo com o TCE, não poderia ter sido cobrada.

Os valores citados acima ainda carecem de atualização monetária. Só para que os prezados leitores tenham uma ideia, a Prefeitura já entrou com 06 ações de execução na Justiça para obter a devolução de R$ 82,2 mil repassados em 2010. O valor, atualizado, foi parar em R$ 140 mil.

As seis ações de execução foram ajuizadas depois que o TCE cobrou providências por parte da Prefeitura para cobrar a devolução. A ADERJ está contestando as ações, mas, em pelo menos uma delas, a Justiça já determinou o bloqueio de bens da entidade. 

1 2 3 4 5 530